Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Assembleia da República avalia dívida do Sporting

Documento diz que o clube beneficiou de condições especiais.
Diana Ramos 14 de Julho de 2016 às 08:34
PSD, Assembleia, Presidente da República, parlamento
PSD, Assembleia, Presidente da República, parlamento FOTO: Pedro Catarino/Correio da Manhã
A Assembleia da República vai avaliar uma petição contra o prolongamento por dez anos do prazo de vencimento dos Valores Mobiliários Obrigatoriamente Convertíveis do Sporting, no valor de 55 milhões de euros, cujo reembolso devia ter acontecido em janeiro. A petição deu entrada no início do ano. Ontem, os deputados da comissão de Orçamento e Finanças aprovaram por unanimidade um relatório que estabelece que o documento, por ser assinado por mais de quatro mil cidadãos, seja remetido a Ferro Rodrigues, presidente da Assembleia da República, "para agendamento da apreciação em plenário".

A discussão só deverá ocorrer na próxima sessão legislativa. A petição, encabeçada por Frederico Calado Cordeiro, defende que o Sporting "beneficiou de um perdão de juros" pelo Novo Banco, "enquanto outros clubes cumprem condições mais exigentes" na emissão de dívida. A renegociação dos prazos ficou estabelecida no acordo de reestruturação assinado entre o clube, Novo Banco e BCP em 2013.

Sem este acordo, os dois bancos tinham-se transformado nos maiores acionistas do Sporting.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)