Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Canarinhos empatam em Braga em jogo dividido

No último lance do encontro, David Bruno salvou os da casa com corte em cima da linha.
Mário Figueiredo 19 de Abril de 2022 às 09:24
Kodisang em duelo com Bernardo Vital, durante o encontro
Kodisang em duelo com Bernardo Vital, durante o encontro FOTO: REUTERS/Pedro Nunes
O Sp. Braga não foi além de um empate a zero no Estoril, num jogo equilibrado entre duas equipas tranquilas na tabela.

Com o Sp. Braga ainda a recuperar das feridas da eliminação dos quartos de final da Liga Europa (derrota por 3-1 no prolongamento com o Glasgow Rangers), aproveitou o Estoril para pressionar e criar perigo.

Com os primeiros 20 minutos de estudo mútuo, o Estoril assumiu as rédeas do jogo e o primeiro suspiro da bancada surgiu numa falha de Matheus que deixou a bola passar por baixo do pé.

Mas o lance de maior perigo na primeira metade foi conseguido num remate de Leonardo Ruiz, bem defendido por Matheus. Bom pormenor de Rosier a deixar a bola passar por entre as pernas.

Arthur também esteve perto do golo, mas acabou por chocar em Matheus, que mostrou coragem, numa bola dividida.

Na etapa complementar, os bracarenses surgiram mais afoitos e Moura falhou um golo fácil. Também Al Musrati teve um remate colocado a sair rente ao poste. Contudo, o melhor lance de golo surgiu já nos descontos finais, quando David Bruno cortou um cabeceamento de David Carmo em cima da linha. O empate acaba por ser justo pelo domínio exercido em cada parte.

carvalhal lamenta ineficácia atacante
“Foi uma primeira equilibrada, mas na segunda tivemos mais bola e pendor ofensivo. Tínhamos de ter aproveitado as oportunidades que criámos”, disse Carlos Carvalhal, técnico do Sp. Braga. Já Bruno Pinheiro (Estoril) considerou o resultado justo: “O Sp. Braga foi mais dominador mas as oportunidades mais claras foram nossas.”
Braga Sp. Braga Estoril desporto futebol primeira liga Liga Bwin
Ver comentários