Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Capitão e árbitro negam cambalhota no Distrital Norte

O Salgueiros soube responder bem ao penálti madrugador com que se viu confrontado.
Pereira de Sousa 25 de Fevereiro de 2019 às 08:28
Fernando Neves arranca para mais um contra-ataque do Salgueiros
Bola de Futebol
Bola de futebol
Fernando Neves arranca para mais um contra-ataque do Salgueiros
Bola de Futebol
Bola de futebol
Fernando Neves arranca para mais um contra-ataque do Salgueiros
Bola de Futebol
Bola de futebol
Um penálti ignorado nos descontos, bem como o corte do capitão do Oliveira do Douro sobre a linha fatal quando já se adivinhava o golo, impediram a cambalhota no marcador no empate que o Salgueiros deixou na casa do adversário (1-1).

A equipa de Paranhos cedo se viu em desvantagem, quando o gaiense Edy arrancou um penálti ao rasgar a área adversária. Na conversão do castigo máximo, Paulinho não perdoou.

Excetuando o chapéu falhado por Edy, as oportunidades para golo sucederam-se para os salgueiristas, que pouco depois do intervalo chegaram à igualdade: Raul fuzilou à boca da baliza a bola devolvida pela barra a um primeiro disparo de Miguel Pedro, na sequência de um canto.

Konan ainda assustou o Salgueiros ao quase fazer autogolo e na resposta Ramalho impediu sobre a linha fatal a cambalhota para os forasteiros. Nos descontos a equipa de Paranhos reclamou penálti, mas o árbitro ignorou a alegada mão na área.
Miguel Pedro capitão do Oliveira do Douro Paulinho Paulinho Paranhos Raul Konan Ramalho desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)