Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Coentrão força saída para o Benfica

Internacional português quer voltar à Luz.
Pedro Carreira 21 de Agosto de 2015 às 02:30
Fábio Coentrão
Fábio Coentrão FOTO: Getty Images
Fábio Coentrão pediu aos dirigentes do Real Madrid para que lhe facilitem a saída para poder voltar a jogar pelo Benfica, mas os encarnados contam com a forte concorrência do Inter Milão. O lateral-esquerdo português, de 27 anos, procura um novo clube para relançar a carreira, até porque não faz parte das opções de Rafa Benítez, treinador da equipa madridista, para a nova época.

A vontade do internacional português em voltar a representar o clube da Luz, onde esteve nas épocas de 2009/10 e 2010/11, esbarra ainda assim na indisponibilidade financeira das águias, que estão a tentar convencer o Real a pagar parte do salário do jogador, que recebe cerca de 2,5 milhões de euros limpos por ano na equipa espanhola, apurou o CM.

O pedido de Coentrão foi feito diretamente a Rafa Benítez, segundo avançou ontem a rádio espanhola Cadena Ser. Além da concorrência do Inter Milão, a vontade do Benfica pode ainda ser dificultada pela pouca abertura do Real em negociar com as águias. Em causa está a venda do defesa-central Ezequiel Garay ao Zenit S. Petersburgo em junho do ano passado. O clube da Luz vendeu o internacional argentino por seis milhões de euros, sendo que os merengues, que tinham ficado com direito a metade de uma futura venda, só receberam três milhões de euros. Esse valor levantou dúvidas à direção do Real e nem mesmo a intervenção do superagente Jorge Mendes – que também é o empresário de Coentrão – facilitou as negociações entre Luís Filipe Vieira e Florentino Pérez, presidentes dos dois clubes.

Apesar de tudo, o empréstimo continua a ser uma hipótese forte e, sobretudo, muito desejada pela SAD dos encarnados. "Coentrão só sairá para o Benfica", afirmou, no domingo, Ernesto Bronzett, representante do Real em Itália.
Ver comentários