Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

"Coração" obrigou Anthony Lopes a escolher Portugal

"Nasci em França, mas sou português", referiu o guarda-redes.
Leonel Lopes Gomes e Lusa 9 de Junho de 2016 às 17:45
Anthony Lopes
Anthony Lopes FOTO: Bruno Colaço

Anthony Lopes será a sombra de Rui Patrício na fase final do Euro2016. O guarda-redes do Lyon espera dar luta ao jogador do Sporting.

"Ficar atrás do Rui não terá problema. São decisões do treinador. Quero é trabalhar, ajudar o máximo a equipa no treinos e ajudar o Rui durante o aquecimento", afirmou esta quinta-feira Anthony Lopes, que na sua voz não consegue esconder as ligações que tem a França. No entanto, o coração obrigou-o a escolher a turma das quinas em detrimentos da França.

"Foi uma decisão fácil porque queria jogar pelo meu país. Nasci em França, mas sou português. Foi uma decisão do coração e estou muito contente por estar aqui em França a participar mo Europeu. Estou quase em casa", revelou Lopes, que é filho de emigrantes portugueses e que nasceu na cidade de Givors.

"Há muito emigrantes portugueses e será um apoio muito especial e importante. Vamos ser a segunda nação com mais adeptos dentro dos estádios e é uma vantagem que temos que aproveitar", concluiu.



Durante todo o torneio, a comitiva lusa está instalada em Domaine de Bellejame, complexo de treinos da Federação Francesa de Râguebi, em Marcoussis, a cerca de 30 quilómetros de Paris.

Portugal estreia-se no dia 14 de junho frente à Islândia, em Saint-Étienne, na primeira jornada do Grupo F, que inclui ainda Áustria e Hungria.

Anthony Lopes Lyon França futebol desporto Euro2016
Ver comentários