Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Corona e Sérgio Oliveira estão na porta de saída do FC Porto

Dragões com urgência em vender jogadores e a dupla é a que tem mais mercado e não tem sido opção.
Filipe António Ferreira 31 de Agosto de 2021 às 08:25
Liga recebeu 58 pedidos de inscrição no último dia do mercado de transferências
Liga recebeu 58 pedidos de inscrição no último dia do mercado de transferências
O FC Porto espera que até ao fim do dia desta terça-feira surjam propostas atrativas para as vendas de Jesús Corona e Sérgio Oliveira.

A dupla não tem sido opção de Sérgio Conceição neste arranque de temporada e são dois dos ativos mais importantes da SAD. Esta segunda-feira, a imprensa mexicana escrevia que Corona não integrou os trabalhos da sua seleção para finalizar a transferência para os italianos do Milan.

O FC Porto tem urgência em fazer dinheiro com a venda de jogadores, isto depois de ainda não ter feito qualquer encaixe financeiro neste defeso. Vitinha acabou por não permanecer no Wolverhampton, o que impossibilitou a entrada de 20 milhões de euros pelo médio que não tem sido opção do técnico no onze titular.

O lateral-esquerdo Zaidu é outro dos jogadores que definitivamente desapareceram do lote de escolhas do treinador, depois de uma primeira época em que que esteve em bom plano. O jogador pode sair mas nunca por valores suficientemente interessantes para os dragões deixarem cair a possibilidade de venda de outros jogadores com mais cotação e mais importantes para a equipa.

Manafá é outro dos atletas que tem interessados na Rússia e que não tem sido opção do técnico esta temporada.

técnico quer central
Conceição ainda não está satisfeito com a formação do eixo defensivo. O técnico quer um outro central até porque Fábio Cardoso ainda não mostrou credenciais e Mbemba pode sair.
Jesús Corona FC Porto Sérgio Oliveira Sérgio Conceição desporto futebol
Ver comentários