Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Dnipro condenado a pagar 900.000 euros a antigos adjuntos

Em causa estavam dívidas referentes a prémio da Liga Europa
21 de Setembro de 2015 às 10:13
Juande Ramos
Juande Ramos FOTO: Aleksandar Djorovic
A federação ucraniana de futebol condenou esta segunda-feira o Dnipro, do português Bruno Gama, a pagar 900.000 euros aos adjuntos do treinador espanhol Juande Ramos, que estiveram no clube entre 2010 e 2014.

Em causa estavam dívidas a estes técnicos referentes a prémios de jogo por parte do clube, que surpreendentemente chegou à final da edição de 2014/15 da Liga Europa.

Caso o Dnipro, propriedade do milionário Ígor Kolomoiski, não salde a dívida, os técnicos já anunciaram que vão apresentar o caso ao Tribunal Arbitral do Desporto.

Na última época ao serviço do Dnipro, Juande Ramos levou o clube ao segundo lugar do campeonato, a melhor classificação interna de sempre do emblema de Dnipropetrovsk.
Dnipro indemnização adjuntos Juande Ramos Liga Europa Bruno Gama desporto futebol
Ver comentários