Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Dybala salva Juventus de pesadelo em jogo frente ao Lokomotiv

Cristiano Ronaldo teve uma noite desinspirada em Turim.
Filipe António Ferreira 23 de Outubro de 2019 às 08:45
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo em lance junto à baliza do Lokomotiv Moscovo. O português não marcou
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo em lance junto à baliza do Lokomotiv Moscovo. O português não marcou
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo
Cristiano Ronaldo em lance junto à baliza do Lokomotiv Moscovo. O português não marcou
Cristiano Ronaldo
O argentino Dybala foi o grande herói na vitória (2-1) difícil da Juventus, em casa, com o Lokomotiv Moscovo. O avançado bisou em dois minutos e deixou os italianos na liderança do grupo D da Champions, com os mesmos pontos do Atl. Madrid.

Sarri escolheu uma equipa com uma característica curiosa: 11 jogadores de 11 nacionalidades diferentes. Mas no primeiro tempo, Ronaldo e companhia raramente assustaram a defesa do Lokomotiv.

Do outro lado, João Mário e Eder integraram um onze combativo que deu pouco ou nenhum espaço à formação italiana. Os russos souberam aproveitar a única chance que tiveram. Com muitas culpas para os centrais da Juve, Miranchuk e João Mário criaram o golo. O português rematou para defesa de Szczesny e o russo, na recarga, fez o 0-1.

As dificuldades da Juve continuaram no 2º tempo e só o génio de Dybala conseguiu abater o Lokomotiv. Em dois minutos, o argentino bisou, sendo que o primeiro golo (77’), com um remate de fora da área, foi de grande nível. Ronaldo não teve uma noite de sonho, mas acabou por sair mais feliz do que João Mário e Eder.
Dybala Juventus João Mário e Eder Lokomotiv Moscovo Champions Atl Madrid Ronaldo Juve desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)