Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Eficácia do mais forte

Benfica sofre golo cedo, reage bem, mas sem incomodar Burki; na segunda parte recua e é goleado.
Octávio Lopes 9 de Março de 2017 às 01:30
Aubameyang remata de forma acrobática, com Nélson Semedo por perto
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
Aubameyang remata de forma acrobática, com Nélson Semedo por perto
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
Aubameyang remata de forma acrobática, com Nélson Semedo por perto
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
As melhores imagens do Borussia Dortmund-Benfica
Um eficaz B. Dortmund goleou ontem o Benfica, por 4-0, anulando assim a desvantagem (0-1) que tinha trazido da Luz. Os encarnados ainda chegaram a dar alguma réplica - entre os 20 e os 50 minutos -, mas com o decorrer do tempo impôs-se o maior poderio dos alemães, que assim seguem para os quartos de final da Champions.

O jogo começou com o Borussia a abrir o marcador: canto de Dembélé, na direita, Pulisic, no primeiro poste, antecipou-se a Samaris e desviou para o segundo poste, onde apareceu Aubameyang a faturar de cabeça. Tinham passado 4 minutos e seguiram-se mais 16 de domínio do Dortmund. Ederson, contudo, apenas por uma vez apanhou um relativo susto, ao sair fora da área, de cabeça, para aliviar perante Aubameyang.

A partir dos 20 minutos, as águias respiraram um pouco e até criaram perigo: na finalização de uma grande jogada, Cervi apareceu solto na área, mas rematou fraco para defesa fácil de Burki. O Borussia enervou- -se - Dembélé devia ter visto o 2º amarelo por entrada de sola sobre Eliseu -, facto que o Benfica aproveitou para ter bola. E voltou a criar perigo num cabeceamento de Luisão, na área, após livre de Pizzi, à figura de Burki. Até ao intervalo, os locais só voltaram a incomodar os encarnados numa cabeçada de Pulisic, defendida com apuros por Ederson (42’).

A 2ª parte começou com uma boa oportunidade para o Benfica: Piszczek falhou um corte a um centro de Nélson Semedo e a bola sobrou para Cervi, que, solto na área e em posição frontal, acertou nas costas de Piszczek. Depois, o Benfica recuou (Burki não voltou a ser incomodado) e o Dortmund assentou arraiais no meio-campo contrário. O 2-0 surgiu aos 59’, por Pulisic, que concluiu à boca da baliza um centro de Piszczek, numa jogada em que, momentos antes, Ederson tinha brilhado perante o isolado Aubameyang, que fez o 3-0 (61’) a concluir um passe vertical de Schmelzer e o 4-0 (85’) após cruzamento de Durm.
Ederson Champions Benfica B. Dortmund Dembélé Pulisic Samaris Aubameyang desporto futebol
Ver comentários