Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

Estreia de Francisco Conceição no FC Porto orgulha irmãos

Filhos do técnico dos campeões nacionais felicitam mano mais novo pela estreia.
Ricardo Tavares 15 de Fevereiro de 2021 às 06:00
Francisco Conceição correu para o pai Sérgio em lágrimas mas o VAR anulou golo do FC Porto
Francisco Conceição correu para o pai Sérgio em lágrimas mas o VAR anulou golo do FC Porto FOTO: DR
Os três irmãos de Francisco não podiam estar mais orgulhos com o jogador mais novo do clã Conceição, que se estreou, sábado, pela equipa principal do FC Porto no empate (2-2) , em casa, com o Boavista. O avançado, de 18 anos, esteve no lance que deu o segundo penálti aos dragões (falhado por Sérgio Oliveira) e, ainda, no lance de um um golo que seria anulado a Evanilson.

Em 21 minutos, Francisco mexeu com o jogo, conquistou a imprensa, que o escolheu como o melhor portista, e arrancou uma lágrima ao pai. Os irmãos, esses, desfizeram-se em elogios, nas redes sociais, ao jovem que tem alinhado na equipa B. “Parabéns pela tua estreia, pequeno. Um orgulho”, assinou Moisés, 19 anos, que alinha no Rio Ave (B e sub-23). Rodrigo, 21 anos, companheiro na equipa B portista , foi mais sucinto: “Orgulho”. O mais velho, 24 anos, que tem o nome do pai e é defesa do Estrela da Amadora, acrescentou “eterno” à palavra orgulho.

Com orgulho no filho Bernardo não deve ter ficado António Folha, treinador da equipa B do FC Porto, que ontem perdeu (1-2) com a Oliveirense, para a II Liga. O médio, de 18 anos, entrou aos 67 minutos, num jogo em que alinharam Toni Martínez e Romário Baró. Dez minutos depois viu o vermelho direto.

Entretanto, Nanu já treinou, embora de forma condicionada. O defesa lesionou-se dia 4, no Belenenses SAD-FC Porto (0-0): fez uma concussão cerebral e traumatismo vértebro-medular num choque com Kritciuk, guarda-redes do adversário.

Francisco Conceição FC Porto Evanilson Boavista Sérgio Oliveira Porto desporto futebol
Ver comentários