Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Fatih Terim não esconde desilusão após derrota

"Croácia foi mais forte na segunda", observou.
12 de Junho de 2016 às 21:44
“Nunca conseguimos começar bem os torneios, mas não esperava que o rendimento da equipa caísse tanto na segunda parte. Esperava que conseguíssemos ter mais posse de bola", finalizou Terim
“Nunca conseguimos começar bem os torneios, mas não esperava que o rendimento da equipa caísse tanto na segunda parte. Esperava que conseguíssemos ter mais posse de bola', finalizou Terim FOTO: John Sibley/Reuters
O selecionador da Turquia, Fatih Terim, foi o espelho da desilusão que invadiu as hostes turcas após a derrota na estreia frente à Croácia.

"Jogámos bem na primeira parte, mas a Croácia foi mais forte na segunda. Tivemos uma boa oportunidade para marcar mas falhámos. Caso contrário, o jogo teria sido diferente. No segundo tempo, a partir dos 60 minutos, caímos fisicamente e a Croácia foi superior", começou por dizer, em conferência de imprensa. 

"Defrontámos uma equipa muito forte. A Croácia pode ir longe na prova se conseguir apurar-se no grupo. Nesta fase da competição, temos de produzir mais. Frente à Espanha e República Checa vamos dar o nosso melhor", frisou o experiente treinador, que não atira a toalha ao chão.

"Nunca conseguimos começar bem os torneios, mas não esperava que o rendimento da equipa caísse tanto na segunda parte. Esperava que conseguíssemos ter mais posse de bola", finalizou.

Luka Modric, na primeira parte, apontou o golo que derrotou a armada turca.


Turquia Fatih Terim República Checa Luka Modric desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)