Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

FC Porto avança na Taça à boleia de bicicleta

Dragão dominou e conseguiu um triunfo fácil sobre o Fabril, do Campeonato de Portugal, com golos de Toni Martínez e Taremi.
Mário Figueiredo 22 de Novembro de 2020 às 01:30
 Fabril - FC Porto
Fabril - FC Porto FOTO: DR
Um golão de Toni Martínez, o primeiro ao serviço do FC Porto, com um pontapé de bicicleta foi o ponto alto da vitória sobre o Fabril, por 2-0, que coloca os dragões na quarta eliminatória da Taça de Portugal.

Sérgio Conceição rodou a equipa. Apostou num sistema de 4x4x2 com destaque para a estreia absoluta do lateral-direito Carraça e do primeiro jogo a titular do avançado Taremi. Notou-se alguma falta de rotinas na equipa, onde apenas Otávio é um dos habituais titulares. Mas o domínio dos dragões nunca esteve em causa.

O técnico portista pediu respeito pelo rival e os jogadores cumpriram. Entraram forte e encostaram a formação do Fabril às cordas. Taremi e Toni Martínez desperdiçaram, cada um, duas oportunidades de golo nos 16 minutos iniciais.

Só à passagem da meia hora é que o Fabril se mostrou no ataque, mas o remate de Nuno Sá saiu fraco e ao lado.

O FC Porto baixou de rendimento, fruto do cansaço de Nakajima, mas foi ao cair do pano da primeira parte que surgiu o golo. Boa jogada de Otávio e Toni Martínez fez um pontapé de bicicleta sem dar hipóteses a João Marreiros.

E a segunda parte começou como terminou a primeira. Ou seja, com festa de golo portista. Desta vez foi Taremi a marcar, após assistência de Felipe Anderson. O avançado iraniano voltou a demonstrar que está apto a fazer dupla com Marega, sempre que Conceição opte pelo 4x4x2, o que pode acontecer já na quarta-feira frente ao Marselha para a Champions.

Os dragões mantiveram o domínio, acentuado com as entradas de Sérgio Oliveira, Luis Díaz e Corona, mas continuaram a desperdiçar golos. Uma das situações mais escandalosas foi a de Evanilson. Luis Díaz tem uma arrancada até à área do Fabril, mas o avançado brasileiro falha a emenda para a baliza. Num jogo que serviu de teste para vários jogadores, Toni Martínez e Taremi marcaram pontos.

"Agora é pensar no Marselha"
"Fiquei satisfeito com os jogadores. Tivemos alguns momentos de brilhantismo", disse Sérgio Conceição após o triunfo no Barreiro, mostrando-se agradado com a receção feita à equipa: "Gostei de chegar ao balneário e ver um ‘Bem Vindos’". O técnico portista considerou o negativo do jogo o "facto de não haver público nas bancadas". "Cumprimos o objetivo, agora vamos pensar no jogo com o Marselha e em aproximarmo-nos aos da frente do campeonato".

Já João Barreira, técnico do Fabril, mostrou-se "orgulhoso" da sua equipa.

ANÁLISE
+ Golão de Toni Martínez
O avançado espanhol estreou-se a marcar pelo FC Porto ao segundo jogo como titular. É certo que desperdiçou duas boas ocasiões, mas quando marcou fê-lo com classe. Um golão de bicicleta que vai ficar na sua memória. Este lance valia o bilhete.

- Evanilson
O avançado brasileiro não aproveitou a oportunidade dada por Sérgio Conceição. Entrou nos últimos 10 minutos e teve um falhanço incrível, após uma grande jogada de Luis Díaz. Muito pouco para quem tem uma cláusula de rescisão de 100 M €.

Arbitragem tranquila
Num jogo dominado pelo FC Porto, a arbitragem foi tranquila. Um ou outro lance mais impetuoso a que correspondeu o respetivo cartão amarelo para resfriar os ânimos. Boas decisões nos lances de fora de jogo, numa partida em que não houve videoárbitro. Arbitragem positiva.
Ver comentários