Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

FPF vai ao Supremo contra o Benfica

Até agora, a federação ganhou sempre quando avançou para as instâncias superiores.
Octávio Lopes 13 de Novembro de 2019 às 10:16
A carregar o vídeo ...
Até agora, a federação ganhou sempre quando avançou para as instâncias superiores.
A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) vai recorrer para o Supremo Tribunal Administrativo (STA) de uma decisão do Tribunal Central Administrativo Sul, que anulou uma multa de 8645 euros que tinha sido aplicada pela disciplina federativa ao Benfica, por alegadas agressões de membros da claque No Name Boys a agentes da PSP, no Estádio da Luz e nas imediações do recinto, no Benfica-FC Porto (0-1), realizado a 15 de abril de 2018.

Segundo o acórdão do tribunal, de 7 de novembro, a que a Lusa teve acesso, o castigo foi considerado "inconstitucional", tendo sido dado provimento ao recurso apresentado pelas águias, que tinham perdido no Pleno do Conselho de Disciplina da FPF e no Tribunal Arbitral do Desporto.

"É inconstitucional considerar que, com base em relatórios da equipa de arbitragem ou do delegado da Liga, sócios ou simpatizantes de um clube" que praticarem "condutas social ou desportivamente incorretas é suficiente para, sem mais, dar como provado que essas condutas se ficaram a dever à culposa abstenção de medidas de prevenção de comportamentos dessa natureza por parte desse clube".

Segundo soube o CM, em situações semelhantes, geralmente relacionados com casos que envolvem o FC Porto, a FPF recorreu 13 vezes para o STA e ganhou sempre. Cinco destes processos chegaram ao Tribunal Constitucional e também aí a FPF venceu sempre.

City não desiste de Rúben Dias
O Man. City vai avançar em janeiro para a contratação de Rúben Dias, avançou ontem o jornal ‘Daily Mail’. A imprensa britânica diz que o técnico Pep Guardiola tem 115 milhões para reforçar o plantel e que o central de 22 anos é uma das prioridades. Rúben tem uma cláusula de 60 milhões.

Júlio César ainda acredita
"Os clubes portugueses priorizam muito o campeonato, mas o Benfica também tem condições de fazer uma boa fase de grupos. Não correu bem com o Lyon [derrota por 3-1], mas faltam dois jogos e muita coisa pode acontecer", disse o ex-guarda-redes Júlio César à Sport TV.

Pizzi e Lage num abraço
O Benfica divulgou ontem um vídeo em que Pizzi aparece a abraçar Bruno Lage após o golo do triunfo com o Santa Clara (2-1). O médio surge a cumprimentar o técnico, mas sem o olhar nos olhos. Assim que marcou o golo, Pizzi correu para o banco para se abraçar ao diretor Tiago Pinto.

Yony é oportunidade
Yony González pode reforçar o Benfica já em janeiro. O extremo colombiano, de 25 anos, termina contrato com o Fluminense no final do ano e pode rumar à Luz a custo zero. A contratação do jogador, apurou o CM, tem em conta o pouco rendimento evidenciado pelo brasileiro Caio Lucas, mas também o facto de ser uma boa oportunidade de negócio, uma vez que Yony chegaria a um valor reduzido. A concretizar-se a transferência, o Benfica não pagaria qualquer valor ao ‘Flu’, mas teria de gastar dois milhões de euros no prémio de assinatura. Esta época, Yony apontou 16 golos em todas as competições.

PORMENORES
Casos na UEFA
Segundo um especialista em direito desportivo contactado ontem pelo CM, a UEFA entende que os clubes devem ser sempre penalizados pelo mau comportamento dos seus adeptos.

Regulamentos alterados
De acordo com o mesmo especialista, os regulamentos disciplinares da FPF e da Liga teriam de ser alterados, caso vingasse a tese de desresponsabilizar os clubes pelos desacatos dos adeptos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)