Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Francisco J. Marques reage à polémica com jogadores: "No FC Porto não há pena de morte"

Diretor de comunicação dos dragões lembrou que há consequências naturais para este tipo de casos, mas desvalorizou.
Record 12 de Novembro de 2019 às 22:38
Cindy Álvarez García festejou os seus 30 anos com o marido, Uribe
Cindy Álvarez García festejou os seus 30 anos com o marido, Uribe FOTO: Direitos Reservados
Francisco J. Marques não fugiu à questão da polémica em torno do afastamento de Uribe, Saravia, Marchesín e Luis Díaz do dérbi do Bessa, em virtude da presença dos quatro na festa de aniversário de Cindy Alvarez García, mulher de Uribe.

O diretor de comunicação do FC Porto lembrou que há consequências naturais para este tipo de casos, mas desvalorizou, sublinhando que no universo azul e branco "não há pena de morte".

"O mundo está diferente, hoje em dia com as redes sociais. A informação circula de forma instantânea, as coisas cirulam mais depressa. Mas há coisas que não mudam e uma delas é a forma como o FC Porto trata dos assuntos. Estamos a falar de um tema interno e que será resolvido internamente. Este assunto será decidido internamente como tem que ser. Não tem que ser na praça publica. Os jogadores sabem em consciência que uma coisas destas tem que ter consequências, mas têm noção de que no FC Porto não existe pena de morte. O que aconteceu resume-se a isto. Haverá decisões internas tomadas e ficarão dentro da família FC Porto e dentro do grupo de trabalho. O que importa destacar é o compromisso da equipa e a vitória no Bessa", apontou, elogiando, neste âmbito, a exibição no dérbi.

"Vitória importante e justa. O FC Porto dominou grande parte do jogo. O Boavista teve um lance de perigo, com o Ricardo costa, contra variadíssimas oportunidades do FC Porto. Vitória saborosa", referiu, em declarações no programa Universo Porto - da Bancada.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)