Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Início desastroso do Real Madrid custa derrota em Valência

Merengues perderam por 2-1 em jogo em atraso da 6.ª jornada.
22 de Fevereiro de 2017 às 20:34
A desilusão dos jogadores do Real Madrid
A festa dos jogadores do Valência
A desilusão dos jogadores do Real Madrid
A festa dos jogadores do Valência
A desilusão dos jogadores do Real Madrid
A festa dos jogadores do Valência
O Real Madrid perdeu esta quarta-feira em Valência por 2-1, em jogo em atraso da 16.ª jornada da Liga espanhola de futebol, depois de uma entrada desastrosa, que lhe custou dois golos no espaço de nove minutos.

O primeiro, logo aos quatro minutos, iniciou-se nos pés do internacional português João Cancelo, que lançou El Haddadi pelo flanco direito, cujo cruzamento permitiu ao italiano Simone Zaza um golo de 'bandeira', ao receber a bola, fazer meia rotação e 'disparar' para a baliza, com o central francês Raphael Varane a fazer-lhe a cobertura nas costas.

Cinco minutos depois, um erro grosseiro de Varane, que perdeu a bola numa zona adiantada do terreno, permitiu uma rápida transição ofensiva do Valência, apanhando a defesa do Real desorganizada, com Zaza a abrir no internacional português Nani, cujo último passe 'ofereceu' o golo a Orellana, que bateu Navas à saída deste.

A vencer por 2-0, o Valência 'baixou as linhas' e ofereceu a iniciativa ao Real Madrid, que se instalou no meio campo adversário, mas sem conseguir encontrar espaços para criar oportunidades de golo.

Num dos poucos lances em que o conseguiu, Cristiano Ronaldo reduziu para 2-1, aos 44 minutos, com um excelente golpe de cabeça a dar sequência a um cruzamento de Marcelo.

Cinco minutos antes, Nani sofreu uma lesão muscular e foi substituído pelo brasileiro Siqueira, ex-jogador do Benfica, o que acentuou a disposição defensiva do Valência para gerir a vantagem.

Na segunda parte, o Real Madrid esbarrou no 'muro' valenciano e raramente criou situações de golo soberanas, apesar de Zidane ter lançado em campo Gareth Bale, Nacho e Lucas Vasquez.

Não obstante a derrota, o Real Madrid mantém a liderança à 23.ª jornada, com 52 pontos, mais um do que o FC Barcelona e menos um jogo, enquanto o Sevilha ocupa o terceiro posto, com 49 pontos.

Com os três pontos hoje somados, o Valência, que está a fazer um campeonato muito aquém das expetativas e do investimento feito no plantel, subiu ao 14.º lugar, com 26 pontos.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)