Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Marrocos ao som da música

Os mais populares cantores do país fizeram músicas de incentivo à seleção africana.
Mário Pereira 17 de Junho de 2018 às 23:39
Aziz Bouhaddouz já foi perdoado pelo autogolo frente ao Irão
Treino de Marrocos na Rússia
Aziz Bouhaddouz já foi perdoado pelo autogolo frente ao Irão
Treino de Marrocos na Rússia
Aziz Bouhaddouz já foi perdoado pelo autogolo frente ao Irão
Treino de Marrocos na Rússia
A seleção de Marrocos, próxima adversária de Portugal no Mundial (jogo na quarta-feira) chegou à Rússia embalada por ritmos musicais. Nos meses que antecederam o início da competição a decorrer na Rússia, alguns dos mais populares cantores do país do Norte de África lançaram inúmeros temas e vídeos, sempre com o mesmo objetivo: incentivar a equipa nacional, exaltar o patriotismo, envolver o fãs e em alguns casos, promover marcar.

Algumas dessas músicas tornaram-se verdadeiros hits nacionais. Tudo parecia correr às mil maravilhas, mas de repente, na mesma semana, dois acontecimentos quebraram um pouco o entusiasmo provocado por esta onda musical.

Primeiro, Marrocos foi batido pela candidatura conjunta dos Estados Unidos, Canadá e México à organização do Mundial de 2026; depois, a derrota no jogo inaugural do Rússia 2018, frente ao Irão, por 1-0. Um desaire que custou a digerir, com um autogolo a um minuto do fim de uma partida em que os marroquinos estiverem sempre mais perto de ganhar.

Aziz Bouhaddouz, o autor do autogolo, já foi perdoado e a onda de entusiasmo voltou a crescer. As canções não ajudaram à estreia mas em Marrocos toda a gente acredita que o poder da música poderá travar Cristiano Ronaldo.
Marrocos Mundial Portugal Canadá Rússia Norte de África Aziz Bouhaddouz Cristiano Ronaldo desporto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)