Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Marta Soares diz que clube "está em estabilidade total" após destituição de Bruno de Carvalho

Presidente da Assembleia Geral do Sporting diz que o clube está "a percorrer o seu caminho".
Lusa 6 de Julho de 2018 às 20:47
Jaime Marta Soares, presidente da MAG do Sporting
Jaime Marta Soares
Artur Torres Pereira com Jaime Marta Soares
Jaime Marta Soares, presidente da MAG do Sporting
Jaime Marta Soares
Artur Torres Pereira com Jaime Marta Soares
Jaime Marta Soares, presidente da MAG do Sporting
Jaime Marta Soares
Artur Torres Pereira com Jaime Marta Soares
O presidente da Assembleia Geral do Sporting, Jaime Marta Soares, disse esta sexta-feira que o clube de Alvalade está "em estabilidade total" e "a percorrer o seu caminho", após a destituição do presidente da direção, Bruno de Carvalho.

Em declarações aos jornalistas, em Coimbra, à entrada da Gala dos 40 anos da Liga de futebol, Marta Soares afirmou que as comissões de fiscalização e de gestão, por si nomeadas, "estão a trabalhar com muita competência e serenidade" na atual fase transitória do emblema de Lisboa até às eleições agendadas para 08 de setembro para que "tudo se vá passar com normalidade".

"O Sporting, para mim, está no bom caminho, para bem do Sporting, naturalmente, e do desporto português", declarou.

Questionado sobre os já anunciados candidatos às eleições, Jaime Marta Soares recusou pronunciar-se: "Não me vou meter nessa área. Era muito mau, da minha parte, se eu desse um sinal, por mais pequeno que fosse, de estar com algum favoritismo, seja para quem for."

"O que eu quero é que apareçam muitos candidatos e que esses candidatos pensem no Sporting Clube de Portugal, tenham projetos de futuro para o Sporting que ponham de parte qualquer interesse só pessoal, e se assim acontecer o Sporting vai continuar com muita força e dar muitas alegrias aos sportinguistas", argumentou.

O responsável disse ainda que o Sporting quer ser campeão da I liga - "a malapata tem de desaparecer de trás da porta", ilustrou, e que estão a ser criadas as condições para que isso aconteça e também para que alguns dos jogadores que rescindiram contrato com o clube regressem "com normalidade e alegria".

"São da casa, vão voltar à casa os que quiserem voltar. E que acima de tudo, permitam que possamos equilibrar muito do que se desequilibrou", sustentou o dirigente sportinguista.

Jaime Marta Soares acabou por ser interrompido nas declarações - prestadas à porta da antiga igreja do convento de São Francisco, onde decorre a gala comemorativa, vedada aos jornalistas - pelo presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional, que saiu da sala para vir buscar o dirigente do Sporting: "Presidente, a Liga é ali dentro, vamos, vamos", exclamou Pedro Proença.

A comemoração antecede os sorteios das I e II Ligas de futebol, agendados para o auditório do Convento de São Francisco, a partir das 21:30.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)