Barra Medialivre

Correio da Manhã

Desporto
8
Siga o CM no WhatsApp e acompanhe as principais notícias da atualidade Seguir

Palmeiras de Abel ferreira tem título reservado para quinta-feira

Equipa de São Paulo chega à última jornada com 99,97% de probabilidade de se tornar bicampeã.
Mário Pereira 5 de Dezembro de 2023 às 01:30
Abel Ferreira
Abel Ferreira FOTO: Cesar Olmedo/Reuters
A vitória sobre o Fluminense (1-0) na penúltima jornada do Campeonato Brasileiro de Futebol deixou o Palmeiras, treinado por Abel Ferreira, com a revalidação do título na palma da mão. A festa fica reservada para a madrugada (em Portugal) da próxima quinta-feira, na última ronda, no terreno do Cruzeiro. E só mesmo uma hecatombe impede a celebração. Isto porque o Palmeiras até pode perder o último jogo.

Em termos matemáticos, apenas três equipas podem chegar ao título: Flamengo e Atlético Mineiro, além do Palmeiras. Mas segundo um estudo feito com dados da Universidade de Minas Gerais, e publicado pelo jornal ‘Globo’, a equipa de Abel Ferreira tem 99,97% de possibilidade de ser campeã. Tudo porque o diferencial de golos a favorece.

Os paulistas têm 69 pontos, contra 66 dos cariocas e dos mineiros. Podem, por isso, acabar todos em igualdade pontual. Aplica-se então o critério dos golos, pois o Palmeiras não pode ser ultrapassado em pontos nem em vitórias (critérios prioritários). E para superar a diferença, o Atlético Mineiro teria de anular uma desvantagem de oito golos. Já o Flamengo teria de recuperar 16 golos. Cenários altamente improváveis. E que a acontecerem seria até bizarro.

PORMENORES
Saída de Abel é cenário em aberto
Com o título quase assegurado, Abel Ferreira fugiu ao tema da continuidade no Palmeiras, com o qual tem contrato até 2024. Mas deixou entender que pretende sair. "É muito desgastante ser treinador no Brasil, com jogos e viagens a cada três dias. Quando disse que estou de ‘saco cheio’ não estava a mentir".

Oito títulos ganhos em três anos
Abel Ferreira tem oito títulos em três anos no Palmeiras: Taça Libertadores (2), Recopa Sul-Americana (1), Taça do Brasil (1), Brasileirão (1), Campeonato Paulista (2) e Supercopa do Brasil (1).
Ver comentários
C-Studio