Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
5

Pedro Pinho fatura milhões com o FC Porto em cinco anos

Autoridades pedem levantamento do segredo bancário e podem avançar com operação nas próximas semanas.
Tânia Laranjo 28 de Julho de 2021 às 01:30
Pedro Pinho  é um empresário muito próximo do FC Porto
Fábio Silva já foi apresentado em Inglaterra como novo jogador do Wolverhampton
Pedro Pinho  é um empresário muito próximo do FC Porto
Fábio Silva já foi apresentado em Inglaterra como novo jogador do Wolverhampton
Pedro Pinho  é um empresário muito próximo do FC Porto
Fábio Silva já foi apresentado em Inglaterra como novo jogador do Wolverhampton
São 16 milhões de euros que Pedro Pinho faturou ao FC Porto em cinco anos, acrescidos de comissões faturadas a outros empresários - como o caso do negócio que envolveu Fábio Silva e em que Pedro Pinho faturou meio milhão de euros, acrescido de IVA, a Jorge Mendes. As contas bancárias do empresário com ligações à SAD portista já foram passadas a pente fino e as autoridades podem avançar com uma operação nas próximas semanas. O objetivo é perceber os circuitos do dinheiro do empresário que poderá - tal como se suspeita que aconteceu com Luís Filipe Vieira - ter feito retornar comissões a elementos afetos à SAD azul-e-branca.

A investigação a Pedro Pinho está a arrastar o FC Porto e já motivou o levantamento do segredo bancário de vários intervenientes, como é o caso de Alexandre Pinto da Costa, com quem Pedro Pinho se incompatibilizou em 2106.

Desde essa altura, Alexandre perdeu peso na estrutura, mas o ex-amigo ganhou. Pai e filho incompatibilizaram-se e o presidente portista ficou ao lado do genro de Silva Peneda, filho de um ex-presidente do Rio Ave, e muito próximo de Fernando Gomes desde o tempo em que o administrador do FC Porto foi presidente da Câmara de Vila do Conde.
Pedro Pinho fez negócios através das empresas PESARP, PP Sports e N1. Chegou a ser credor da SAD portista, depois de ter negociado jogadores como Éder Militão - um negócio que também está sob investigação. O FC Porto pagou mais de 9,5 milhões em comissões aos agentes Pedro Pinho e Bruno de Macedo.

PORMENORES
Árbitro espanhol
O árbitro espanhol Carlos del Cerro Grande, de 45 anos, vai dirigir o jogo entre o Spartak Moscovo e o Benfica, a 4 de agosto, a contar para a primeira mão da terceira pré-eliminatória da Liga dos Campeões.

Alfa Semedo
Alfa Semedo vai ser jogador do V. Guimarães. O médio já aceitou regressar ao futebol português após duas épocas em que esteve cedido ao Notingham Forest e Reading (Inglaterra); e Espanyol (Espanha). Os minhotos ficam com opção de compra no valor de 1,5 milhões.

Díaz já mudou o ‘chip’
"Estou muito feliz pelo que consegui a nível pessoal na Copa América, mas agora estou concentrado na minha equipa, o ‘chip’ já mudou na minha cabeça para estar aqui a 100 por cento", disse Luis Díaz, extremo do FC Porto ao Porto Canal.

Spartak quer Manafá
O Spartak Moscovo, equipa orientada por Rui Vitória e adversário do Benfica na Champions, quer contratar o lateral portista Manafá (27 anos). Segundo a imprensa russa, os dragões estão a pedir um valor elevado, o que fez esfriar, para já, o interesse dos dirigentes moscovitas.
Ver comentários