Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Pesadelo sem fim para José Mourinho

Empate a zero deixa treinador português a oito pontos da liderança.
João Pedro Óca 30 de Outubro de 2016 às 09:32
José Mourinho foi expulso e viu a segunda parte na bancada
José Mourinho foi expulso e viu a segunda parte na bancada FOTO: Carl Recine/Reuters
O ciclo negativo de José Mourinho como treinador do Manchester United no campeonato inglês parece não ter fim e conheceu ontem mais um episódio, com um empate (0-0), em casa, diante do Burnley.

Os ‘red devils’ não vencem há quatro jogos para a Liga e à 10ª jornada já veem o título ao longe. Dez jogos, 15 pontos e um pobre 8º lugar, a 8 pontos dos líderes Manchester City, Arsenal e Liverpool.

Em Old Trafford, José Mourinho foi expulso do banco, ao intervalo, por protestos ao árbitro Mark Clattenburg e viu da bancada o juíz inglês não assinalar um penálti a favor do United. Razões de queixa para a equipa de Manchester, que voltou a ficar em branco pelo terceiro duelo consecutivo no campeonato.

Ainda assim, as oportunidades de golo não faltaram aos ‘red devils’. Zlatan Ibrahimovic teve a vitória nos pés em cima do apito final, mas falhou escandalosamente, já depois de Ander Herrera ter deixado a equipa a jogar com dez, ao minuto 68.

Com este empate, Mourinho vê os rivais fugir ainda mais na luta pelo título de campeão. O Manchester City bateu o West Bromwich, por 4-0, e o Arsenal derrotou o Sunderland (4-1).
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)