Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Portugal realiza último treino antes do particular com o Qatar

Equipa das 'quinas' enfrenta a seleção anfitriã do Campeonato do Mundo de 2022, antes do duelo com o Luxemburgo.
Lusa 8 de Outubro de 2021 às 07:07
Jogadores da seleção nacional
Jogadores da seleção nacional FOTO: Reuters
A seleção portuguesa de futebol realiza esta sexta-feira o último treino antes do encontro particular com o Qatar, no sábado, que deverá contar com defesa Nélson Semedo, enquanto o avançado Diogo Jota e o médio Rúben Neves estão em dúvida.

A equipa das 'quinas' enfrenta a seleção anfitriã do Campeonato do Mundo de 2022, antes do duelo com o Luxemburgo, agendado para terça-feira, referente ao Grupo A da qualificação europeia para o torneio que se realizará no inverno.

Desde que o campeão da Europa em 2016 iniciou os trabalhos, na Cidade do Futebol, em Oeiras, no passado dia 05, o jogador dos ingleses do Liverpool, um dos indiscutíveis para o selecionador Fernando Santos, ainda não treinou com o grupo no relvado, devido a problemas musculares.

Também o médio do Wolverhampton falhou o apronto na quarta-feira, para realizar trabalho específico, não sendo certo que suba ao relvado esta sexta-feira, ao contrário de Semedo, colega de equipa no emblema britânico, que foi chamado para render o lesionado Raphaël Guerreiro, e deverá estar presente na derradeira sessão, na véspera do encontro agendado para o Estádio Algarve, em Faro.

O treino no principal relvado da Cidade do Futebol está agendado para as 10:30, com os primeiros 15 minutos abertos aos jornalistas, seguindo-se, a partir das 12:30, a conferência de imprensa de antevisão ao desafio com os cataris, com a presença do selecionador Fernando Santos e um jogador a designar.

A seleção portuguesa joga com o Qatar no sábado, a partir das 20:15, em encontro particular, e três dias depois defronta o Luxemburgo, às 19:45, para o grupo A de qualificação para o Mundial2022, sendo que ambas as partidas se realizam no Estádio Algarve.

Portugal lidera o grupo A de qualificação para o Campeonato do Mundo do próximo ano, com 13 pontos, mais dois do que a Sérvia (11), segunda colocada, e mais sete face ao Luxemburgo (seis), que é terceiro, à frente de República da Irlanda (dois) e Azerbaijão (um).

Ver comentários