Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
4

Ronaldo dá 11.ª Liga dos Campeões ao Real Madrid

Merengues derrotaram o Atlético Madrid nas grandes penalidades.
Leonel Lopes Gomes 28 de Maio de 2016 às 22:34
A festa do Real Madrid após o triunfo na final da Champions diante do Atlético Madrid
Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares
Diego Simeone, treinador do Atlético de Madrid
No prolongamento, o cansaço apoderou-se dos dois conjuntos e foi através da marca dos 11 metros que Cristiano Ronaldo ofereceu a 11.ª Champions ao Real Madrid
Cristiano Ronaldo voltou a ser decisivo e ofereceu a 11.ª Champions aos merengues
Juanfran tremeu e Cristiano Ronaldo não vacilou e rematou de forma triunfante, para gáudio da afición merengue. Foi o 19.º título que o madeirense conquistou na carreira, a terceira Champions
Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares. Tal como ocorreu em Lisboa, o duelo foi intenso e emocionante
E foi assim que o Real Madrid conquistou a 11.ª Liga dos Campeões do seu historial
O rei de Espanha foi espetador atento da final espanhola da Liga dos Campeões
O desalento dos jogadores do Atlético Madrid, que continua sem vencer a Liga dos Campeões
A festa do Real Madrid após o triunfo na final da Champions diante do Atlético Madrid
Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares
Diego Simeone, treinador do Atlético de Madrid
No prolongamento, o cansaço apoderou-se dos dois conjuntos e foi através da marca dos 11 metros que Cristiano Ronaldo ofereceu a 11.ª Champions ao Real Madrid
Cristiano Ronaldo voltou a ser decisivo e ofereceu a 11.ª Champions aos merengues
Juanfran tremeu e Cristiano Ronaldo não vacilou e rematou de forma triunfante, para gáudio da afición merengue. Foi o 19.º título que o madeirense conquistou na carreira, a terceira Champions
Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares. Tal como ocorreu em Lisboa, o duelo foi intenso e emocionante
E foi assim que o Real Madrid conquistou a 11.ª Liga dos Campeões do seu historial
O rei de Espanha foi espetador atento da final espanhola da Liga dos Campeões
O desalento dos jogadores do Atlético Madrid, que continua sem vencer a Liga dos Campeões
A festa do Real Madrid após o triunfo na final da Champions diante do Atlético Madrid
Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares
Diego Simeone, treinador do Atlético de Madrid
No prolongamento, o cansaço apoderou-se dos dois conjuntos e foi através da marca dos 11 metros que Cristiano Ronaldo ofereceu a 11.ª Champions ao Real Madrid
Cristiano Ronaldo voltou a ser decisivo e ofereceu a 11.ª Champions aos merengues
Juanfran tremeu e Cristiano Ronaldo não vacilou e rematou de forma triunfante, para gáudio da afición merengue. Foi o 19.º título que o madeirense conquistou na carreira, a terceira Champions
Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares. Tal como ocorreu em Lisboa, o duelo foi intenso e emocionante
E foi assim que o Real Madrid conquistou a 11.ª Liga dos Campeões do seu historial
O rei de Espanha foi espetador atento da final espanhola da Liga dos Campeões
O desalento dos jogadores do Atlético Madrid, que continua sem vencer a Liga dos Campeões
É caso para dizer, Halla Madrid. O Real Madrid conquistou neste sábado a 11.ª Liga dos Campeões do seu historial.

Os merengues venceram o Atlético por 6-4, após desempate na marca das grandes penalidades. Depois de um empate a um golo nos 90 minutos, a final espanhola de Milão foi para prolongamento mas o resultado não sofreu alterações e foi apenas da marca dos 11 metros que o sucessor do Barcelona foi conhecido.

Juanfran tremeu e Cristiano Ronaldo não vacilou e rematou de forma triunfante, para gáudio da afición merengue. Foi o 19.º título que o madeirense conquistou na carreira, a terceira Champions.


Duas épocas após a final do Estádio da Luz, os blancos voltaram a vencer o braço de ferro com o rival de Manzanares. Tal como ocorreu em Lisboa, o duelo foi intenso e emocionante.

O Real Madrid, que controlou a seu bel-prazer a primeira parte, chegou à vantagem aos 15 minutos, num lance ilegal, em que Sergio Ramos estava em posição irregular no momento em que bateu Oblak.




Na segunda metade, o Atlético carregou em busca do empate. Griezmann ainda desperdiçou uma grande penalidade, após falta de Pepe sobre Fernando Torres, mas os colchoneros não desistiram e chegaram ao golo a 12 minutos dos 90 por intermédio de Yannick Ferreira Carrasco. Resultado justo, face ao domínio dos comandados de Diego Simeone.


No prolongamento, o cansaço apoderou-se dos dois conjuntos e foi através da marca dos 11 metros que Cristiano Ronaldo, que estava desaparecido do encontro, ofereceu a 11.ª Champions ao Real Madrid. Zidane, que substituiu Rafa Benítez em janeiro, tornou-se no primeiro treinador francês a conquistar a prova milionária da UEFA.
Real Madrid Liga dos Campões Atlético de Madrid futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)