Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Ronaldo notificado para ir a tribunal no caso de alegada violação a Mayorga

Craque terá recebido documentos da acusação para depor antes de ir de férias.
Patrícia Correia Branco 16 de Junho de 2019 às 10:30
Ronaldo é acusado de violação
Craque com Kathryn Mayorga
CR7 conheceu a norte-americana numa discoteca em Las Vegas, em 2009
Georgina Rodríguez acompanhou Ronaldo ao tribunal de Madrid
Ronaldo é acusado de violação
Craque com Kathryn Mayorga
CR7 conheceu a norte-americana numa discoteca em Las Vegas, em 2009
Georgina Rodríguez acompanhou Ronaldo ao tribunal de Madrid
Ronaldo é acusado de violação
Craque com Kathryn Mayorga
CR7 conheceu a norte-americana numa discoteca em Las Vegas, em 2009
Georgina Rodríguez acompanhou Ronaldo ao tribunal de Madrid
Nove meses depois da abertura do processo, em que é acusado de violação anal por Kathryn Mayorga, Cristiano Ronaldo foi notificado para depor em tribunal. A notícia foi este sábado avançada pelo site TMZ, e mais tarde confirmada pela agência France Press, dando conta de que o internacional português terá recebido os documentos oficiais antes de ir de férias para a Grécia, onde tem estado nos últimos dias com a família.

Os advogados da norte-americana andavam há vários meses a tentar encontrar a morada do craque, num processo que se revelou complicado e que ‘obrigou’ a defesa de Mayorga a mudar o processo do Tribunal Distrital de Clark County, no Nevada, para o Tribunal Federal.

Segundo apurou o Correio da Manhã, Leslie Stovall, que defende Mayorga desde o início do processo, fez várias tentativas para notificar o jogador de 34 anos, mas todas elas em vão.

A equipa de advogados da antigo modelo chegou mesmo a contratar dois solicitadores em Itália - um para entregar a notificação, outro para filmar o momento, como prova de que esta tinha sido entregue -, mas também estes fracassaram nas suas intenções, alegando que CR7 era muito protegido na Juventus. "Como um rei", chegaram a afirmar. De acordo com a imprensa internacional, estes solicitadores encontraram vários obstáculos para descobrir a morada certa de Ronaldo. Sabiam qual era o condomínio, mas, mais uma vez, o jogador era tão protegido que ninguém lhes dizia qual a casa em concreto.

Os advogados de Mayorga pediram, então, ao tribunal, uma autorização especial para notificar Cristiano Ronaldo por edital em vários jornais. No entanto, a Justiça resolveu aguardar e, em abril último, deu um prazo de 180 dias para que a notificação fosse feita pessoalmente. Bastaram dois meses para que isso acontecesse.

Georgina Rodríguez é um dos seus grandes apoios
Georgina Rodríguez é a mulher que está ao lado de Cristiano Ronaldo nos bons e nos maus momentos. A espanhola esteve ao lado do craque quando este foi ao tribunal de Madrid depor por acusação de fraude fiscal pelo estado espanhol, e nunca duvidou da inocência do namorado no caso de alegada violação.

Alegada violação terá sido em 2009
Kathryn Mayorga acusa Cristiano Ronaldo de violação anal. O caso terá acontecido na madrugada de 13 de junho de 2009, num quarto do hotel Palms Place, em Las Vegas, nos EUA.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)