Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
1

Rui Vitória desespera sem Fejsa

Médio sérvio está lesionado e não joga desde meados de agosto.
António M. Pereira e Mário Morgado Ribeiro 16 de Setembro de 2017 às 01:30
Fejsa e Rui Vitória
Rui Vitória espera uma luta acesa pelo campeonato até ao final
Samaris (à esquerda) perdeu espaço na equipa de Rui Vitória
Fejsa e Rui Vitória
Rui Vitória espera uma luta acesa pelo campeonato até ao final
Samaris (à esquerda) perdeu espaço na equipa de Rui Vitória
Fejsa e Rui Vitória
Rui Vitória espera uma luta acesa pelo campeonato até ao final
Samaris (à esquerda) perdeu espaço na equipa de Rui Vitória
A ausência de Fejsa está a desesperar Rui Vitória, treinador do Benfica, e o médio, a contas com uma lesão na perna direita, vai falhar o jogo de hoje da 6ª jornada da Liga frente ao Boavista, às 18h15, no Estádio do Bessa.

O internacional sérvio lesionou-se a meados de agosto e não voltou a jogar. A situação tornou-se numa verdadeira dor de cabeça para o técnico, apurou o CM. A perda do elemento-chave do meio-campo encarnado afetou a forma de jogar da equipa e já originou um empate frente ao Rio Ave (1-1), uma vitória sofrida com o Portimonense (2-1) e a derrota contra o CSKA (1-2) para a Champions.

Sem Fejsa, Rui Vitória apostou em Filipe Augusto, em vez de Samaris, que ao longo da última época foi a principal alternativa para o lugar do sérvio. Apesar das críticas que caíram sobre o médio brasileiro após o desaire frente à equipa russa, o técnico mantém a confiança no atleta de 24 anos, que deve ser titular hoje.

"O Samaris esteve quatro jogos de fora [devido ao castigo]. O Filipe Augusto tem jogado mais. Foi o jogador que mais correu em campo frente ao CSKA, com uma série de indicadores positivos", disse o técnico na antevisão do encontro frente aos axadrezados.

Ao que o CM apurou, Rui Vitória prefere Filipe Augusto por ser mais disciplinado taticamente do que Samaris, uma vez que o grego, quando joga na posição de médio-defensivo, explora mais o ataque e deixa a linha defensiva desequilibrada.

"Isto não é uma passadeira" 
"Nunca disse que os campeonatos são fáceis. O campeonato não é uma passadeira. Nas últimas épocas temos lutado sempre até à última jornada com o FC Porto ou com o Sporting, este ano não vai ser diferente. Vai ser difícil para nós e para os outros", referiu Rui Vitória, treinador do Benfica, na antevisão do jogo de hoje com o Boavista, às 18h15, no Bessa.

O técnico fez uma comparação entre o momento das águias esta época e na última, para justificar os resultados da equipa. "Gosto de dados objetivos sem olhar ao passado, mas na época anterior por esta altura tínhamos 13 pontos, os mesmos que temos agora."

Douglas fora dos eleitos
O lateral Douglas não foi convocado para o jogo no Bessa, por estar com uma lesão muscular, tal como avançou o CM em primeira mão esta quinta-feira. O brasileiro, cedido pelo Barcelona, ainda não jogou de águia ao peito.
Ver comentários