Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

Rui Vitória trava euforia na Luz

Próximos dois jogos (D. Kiev e FC Porto) são muito importantes para o que falta da época.
João Pedro Óca 30 de Outubro de 2016 às 13:30
Vitória com  o Paçps de Ferreira deixou o Benfica mais isolado  na liderança
Vitória com o Paçps de Ferreira deixou o Benfica mais isolado na liderança FOTO: Vítor Chi
Jogo a jogo e sem excesso de confiança para não entrar em euforias. Esta é a mensagem que Rui Vitória, treinador do Benfica, passa para a equipa, sabe o CM, numa fase da época em que os encarnados lideram a Liga (8 vitórias em 9 jogos), mas com a consciência de que há um longo caminho a percorrer.

No final do encontro de sexta-feira (3-0 sobre o P. Ferreira) o técnico das águias avisou: "Ainda há muito para andar e se algum jogador se distrair está errado." Essa é a ideia que o treinador e a estrutura dos encarnados transmitem ao plantel, tomando como exemplo a época passada.

Rui Vitória e o presidente Luís Filipe Vieira adotaram um discurso de contenção à medida que a equipa ia recuperando pontos sobre os rivais . "Os campeonatos decidem-se em maio e, para festejar nessa altura, temos de trabalhar no momento", vincou Rui Vitória, numa jornada que os encarnados deixaram os leões a sete pontos e o FC Porto a cinco.

Os encarnados vivem a melhor fase da época, com cinco vitórias seguidas, em vésperas de dois jogos de extrema importância. Na terça-feira, um triunfo sobre o Dínamo de Kiev pode colocar as águias em boa posição no apuramento para os oitavos de final da Liga dos Campeões e, cinco dias depois, (6 de novembro) há clássico com o FC Porto (10ª jornada).
Benfica Rui Vitória Liga Luís Filipe Vieira FC Porto Dínamo de Kiev Liga dos Campeões desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)