Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Seleção é “uma família indestrutível”

Fernando Santos destaca grupo que foi campeão europeu há um ano.
Filipe António Ferreira 12 de Julho de 2017 às 09:15
Fernando Santos ontem na Cidade do Futebol à conversa com jornalistas
Fernando Santos ontem na Cidade do Futebol à conversa com jornalistas FOTO: Fernando Ferreira
Um ano após a página mais bela da história do futebol português, Fernando Santos relembra a conquista do Europeu com fortes elogios à equipa: "Somos uma família indestrutível. Esta conquista não foi sorte, mas sim mérito. Quem deu o título europeu foi Portugal e não o Eder."

O selecionador, num encontro com jornalistas realizado na Cidade do Futebol, garante que agora Portugal está "mais perto de voltar a ganhar" .

"Não somos a melhor equipa do Mundo mas dificilmente, num jogo, podem ganhar a Portugal", salienta.

A conquista do Euro foi um desejo e uma ambição desde o primeiro dia, garantiu: "A mensagem que passei foi de que o objetivo era chegar a Saint Denis a 10 de julho e ganhar. Acreditei sempre que a equipa tinha capacidade para isso."

O técnico mostrou-se atento à questão dos centrais para o futuro, dada a idade dos jogadores habitualmente chamados (Pepe, 34; Alves, 35; Fonte, 33; e Neto, 29).

"Estamos atentos. É um problema que temos de resolver como noutros setores." E a preponderância de Ronaldo voltou a ser destacada: "Está sempre disponível e com um enorme espírito de sacrifício."
Fernando Santos Euro Europeu Cidade do Futebol Eder Portugal futebol desporto técnico selecionador nacional
Ver comentários