Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

“Senti-me sozinho no Benfica”, diz Rui Vitória

Novo técnico do Al Nassr reconhece algum desconforto nas últimas semanas na Luz. Admite voltar no futuro.
Ricardo Miguel Costa 13 de Janeiro de 2019 às 01:30
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória
Rui Vitória

"Nesta parte final, em determinados momentos houve uma maior influência vinda do exterior e senti-me em determinados momentos mais sozinho no Benfica. Em algumas conferências de imprensa tive de posicionar-me perante situações que não eram as mais importantes" disse Rui Vitória, agora treinador do Al Nassr, sobre os últimos tempos enquanto técnico na Luz.

Em entrevista à TVI, Vitória garantiu contudo ter uma excelente relação com o presidente Luís Filipe Vieira. "Terminámos como tínhamos de terminar, entendimento perfeito. Achámos que eram as melhores soluções. Ficámos com ótimas relações. Posso orgulhar-me de deixar amigos em todos os clubes por onde passei."

Sobre os reforços para esta época, Vitória admite que teve algumas responsabilidades: "Naturalmente que tive quota parte na sua vinda. Se havia outros que queria trazer, é verdade. Mas espero que o Benfica tenha o maior sucesso. Os jogadores que lá estão, que defendi, que tenham sucesso". Apesar de não conhecer em profundidade o seu sucessor, Rui Vitória espera que Bruno Lage seja "protegido": "A sorte e apoio têm de estar presentes, isso é determinante".

O técnico não coloca de lado a hipótese de regressar ao clube em que se sagrou campeão por duas vezes. "Sou um profissional de futebol e admito claramente voltar ao Benfica", concluiu.

Rui Vitória Benfica Luís Filipe Vieira Al Nassr Bruno Lage TVI Luz desporto futebol entrevista
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)