Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
2

Sporting corta relações com o Benfica

Dirigentes leoninos indignados com o comportamento dos 'encarnados'.
10 de Fevereiro de 2015 às 17:30
Bruno de Carvalho condena falta de reação oficial por parte dos dirigentes do Benfica
Bruno de Carvalho condena falta de reação oficial por parte dos dirigentes do Benfica FOTO: Pedro Catarino

O Sporting anunciou esta terça-feira um corte de relações institucionais com o clube rival de Lisboa, o Benfica, devido ao que o clube considera "graves acontecimentos do passado fim de semana".

Esta medida é justificada pela direção leonina por os "responsáveis encarnados não terem condenado os acontecimentos do dérbi de domingo passado", bem como aqueles que ocorreram durante o jogo de futsal entre as duas equipas, no Estádio da Luz, um dia antes do dérbi.

Em comunicado, o Conselho Diretivo do Sporting lamenta que o Benfica não se tenha demarcado da exibição de uma faixa exibida a toda a largura de um dos topos das bancadas com a inscrição 'Very light 1996', durante o dérbi do Nacional de futsal, no sábado, enquanto adeptos 'encarnados' cantavam "amanhã há mais" (numa alusão ao jogo entre os dois clubes marcado para o dia seguinte, da 20.ª jornada da I Liga portuguesa de futebol).

De acordo com o clube 'leonino', no domingo, estas ameaças "vieram a concretizar-se com o lançamento indiscriminado por parte dos adeptos do Benfica de artefactos pirotécnicos sobre os adeptos do Sporting, numa tentativa inqualificável de repetir o condenável episódio (da final da Taça de Portugal) de 1996".

Alusão a um assassinato

O Sporting recordou que se encontrava no pavilhão da Luz a assistir ao dérbi de futsal o presidente do Benfica, Luís Filipe Vieira, o qual "visualizou a referida faixa e não tomou qualquer medida na altura", nem o clube da Luz emitiu "nenhuma declaração a repudiar veementemente esta alusão a um assassinato".

De resto, o clube 'leonino' chama a atenção para a gravidade do arremesso dos engenhos pirotécnicos por parte dos adeptos do Benfica sobre os do Sporting, arremesso esse que "constitui uma tentativa de homicídio por se tratar de engenhos explosivos".

"Quando se esperaria, pelo mais elementar bom senso, uma declaração de reprovação e demarcação, por parte dos órgãos dirigentes do Benfica, vem o seu porta-voz oficial, numa comunicação grave e totalmente irresponsável, qualificar toda esta situação denunciada pelo Sporting de 'folclore'", pode ler-se no comunicado do clube 'verde e branco'.

O Sporting anunciou igualmente que, além de cortar relações institucionais copm o clube 'encarnado', vai levar os casos às entidades competentes "até às últimas consequências".

Leia o comunicado oficial do Sporting

Sporting Lisboa Estádio da Luz Benfica Very Light desporto corta relações
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)