Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
7

Sporting perdido na Áustria falha primeiro lugar na Liga Europa

Silas mudou nove jogadores face ao último jogo, mas a equipa não respondeu.
Filipe António Ferreira 13 de Dezembro de 2019 às 01:30
Doumbia, que entrou ao intervalo, controla a bola perante Wiesinger
LASK Linz - Sporting
Doumbia, que entrou ao intervalo, controla a bola perante Wiesinger
LASK Linz - Sporting
Doumbia, que entrou ao intervalo, controla a bola perante Wiesinger
LASK Linz - Sporting
Foi com estrondo que o Sporting terminou a fase de grupos da Liga Europa. Já apurado para os 16 avos de final, onde não será cabeça de série, e com muitas alterações no onze (9!), a equipa de Silas nunca se encontrou e podia ter saído da Áustria vergado a uma goleada histórica.

Mathieu, Bruno Fernandes e Vietto ficaram em Lisboa. Acuña, Bolasie, Wendel, Doumbia, Luiz Phellype (os dois últimos entraram) no banco. A aposta na formação de Alcochete foi clara (cinco jogadores no onze inicial e Maximiano a sair do banco), mas correu mal, muito mal.

O LASK já tinha mostrado em Alvalade ser uma equipa de qualidade, com forte pendor ofensivo. Dominou a 1ª parte, jogando quase sempre no meio-campo leonino. Com Rodrigo Fernandes, Eduardo e Miguel Luís no miolo, o Sporting nunca provocou grandes calafrios aos austríacos.

O LASK não precisou de carregar nem criou muitas chances. De bola parada fez o 1-0 por Trauner, com a defesa a ver jogar. Depois, aos 35’, Renan, num lance infantil, derrubou Klauss. Penálti e expulsão para o brasileiro. O LASK chegou ao 2-0 e o jogo acabou para os leões.

Após o descanso, Camacho ainda teve uma boa chance para reduzir mas o encontro foi sempre dos austríacos, que só não marcaram mais por mero desacerto e devido a... Maximiano. O guarda-redes, já a terminar, só não conseguiu travar o 3-0.

+ Maximiano evita tragédia
O guarda-redes de 20 anos fez uma exibição gigante. Três grandes defesas a remates que tinham selo de golo. A baliza dos leões tem um novo dono.

- Buracos na defesa
Rosier na direita e Ilori (mais uma vez) mostram que não têm qualidade para jogar no Sporting. Coates e Borja também estiveram em tarde/noite aquém do esperado.

Escocês suficiente
Bem na expulsão de Renan. O brasileiro não tenta jogar a bola, atingindo com um pontapé o adversário. A terminar, um golo anulado ao LASK. Raguz marca, mas parece estar em posição irregular.
Sporting Áustria Liga Europa Silas Maximiano LASK Renan desporto futebol
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)