Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
8

TAS decide até 13 de junho recursos de Sérvia e Albânia

Seleções castigadas pela UEFA.
18 de Abril de 2015 às 11:07
Em causa estão os incidentes ocorridos a 14 de outubro de 2014, em Belgrado
Em causa estão os incidentes ocorridos a 14 de outubro de 2014, em Belgrado FOTO: EPA

O Tribunal Arbitral do Desporto (TAS) anunciou este sábado que vai decidir até 13 de junho sobre os recursos das federações de futebol da Sérvia e da Albânia às sanções impostas pela UEFA, pelos incidentes no jogo entre as seleções.


Em comunicado, o TAS dá conta das audições ao recurso sérvio, na quinta-feira, e ao albanês, na sexta, acrescentando que a decisão deverá ser anunciada antes do próximo jogo de qualificação para o Campeonato da Europa de 2016, que está agendado para 13 de junho.


Em causa estão os incidentes ocorridos a 14 de outubro, em Belgrado, no jogo de qualificação do Grupo I, o mesmo de Portugal, para o Euro2016, que resultou em confrontos e que o árbitro suspendeu aos 41 minutos.


A 23 de outubro o Comité disciplinar da UEFA decidiu atribuir a derrota de 3-0 à Albânia, mas também retirou três pontos à Sérvia e a obrigação de disputar dois jogos à porta fechada, além de multar as duas federações em 100.000 euros.


Os incidentes começaram quando um 'drone' sobrevoou o relvado, com uma bandeira da 'Grande Albânia', defendida pelos nacionalistas albaneses e que extravasa o território do país, o que motivou a indignação de espetadores e jogadores.


Após quatro jornadas, Portugal lidera o Grupo I, com nove pontos, mais dois do que Dinamarca e Albânia, enquanto Sérvia e Arménia somam apenas um ponto.


A próxima ronda do agrupamento está agendada para 13 de junho, quando Portugal vai jogar na Arménia e a Dinamarca recebe a Sérvia.

Tribunal Arbitral do Desporto TAS Sérvia Albânia
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)