Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Treinador do CSKA diz que Benfica é segunda melhor equipa do grupo

Viktor Goncharenko mostrou conhecer bem a equipa encarnada, ao falar de alguns jogadores mais influentes.
Lusa 21 de Novembro de 2017 às 16:39
 Viktor Goncharenko, treinador do CSKA
Viktor Goncharenko
Viktor Goncharenko
Viktor Goncharenko
 Viktor Goncharenko, treinador do CSKA
Viktor Goncharenko
Viktor Goncharenko
Viktor Goncharenko
 Viktor Goncharenko, treinador do CSKA
Viktor Goncharenko
Viktor Goncharenko
Viktor Goncharenko
O treinador do CSKA Moscovo concordou esta terça-feira com José Mourinho, na opinião de que o Benfica é mais forte do que a equipa russa e do que o Basileia, no grupo A da Liga dos Campeões de futebol.

"O futebol nem sempre é lógico. Indiscutivelmente, o Benfica tem uma equipa forte em termos de potencial e de plantel. Provavelmente, no papel, é a segunda melhor equipa do grupo, a seguir ao Manchester United. Mas o futebol é maravilhoso por ser imprevisível", disse Viktor Goncharenko, na conferência de imprensa de lançamento do jogo com o Benfica, na quarta-feira, quando confrontado com as recentes declarações do atual treinador do Manchester United.

Em relação às mudanças táticas introduzidas pelo treinador Rui Vitória, que colocou a equipa a jogar em 4x3x3 nos últimos jogos, Goncharenko considerou que o Benfica ficou mais consistente.

"Sim, depois do jogo em Basileia, em que o Benfica sofreu uma derrota pesada (5-0), mudaram de sistema. No anterior, eram mais fortes a atacar, agora são mais consistentes a defender. Tudo depende das opções do treinador. No entanto, a identidade do Benfica manteve-se, que se baseia na posse de bola e no jogo ofensivo".

O treinador do CSKA mostrou conhecer bem a equipa 'encarnada' ao falar de alguns dos seus jogadores mais influentes, como Jonas, sobre quem confessou ter obtido mais informações através do brasileiro Vitinho, seu jogador.

"O Benfica joga bem em posse de bola frente a qualquer adversário. O Vitinho falou-me do Jonas, mas eu já o conhecia bem desde os tempos do Valência. É um jogador experiente e muito versátil, bem apoiado por Pizzi. São os dois principais jogadores, além de Luisão, cuja experiência no eixo da defesa é importante, e Salvio, que é também um jogador que destaco", disse Gonchanrenko, que informou que o brasileiro naturalizado russo Mário Fernandes, que estava em dúvida, vai defrontar o Benfica, ao contrário do internacional russo Alexei Berezutsky, que vai estar afastados dos relvados durante dois ou três meses.

O avançado brasileiro Vitinho também destaca Jonas na equipa do Benfica, considerando-o "um grande avançado", razão pela qual, lembrou, tem sido seguido pelos vários selecionadores brasileiros, incluindo o atual, Tite.

"É um grande jogador, muito experiente, que não pode dispor de espaço em nenhuma situação. Mas temos de ter cuidado com o Benfica no seu todo, porque, certamente, vem com grande vontade de retificar os maus resultados na Liga dos Campeões, satisfazer os seus adeptos e reduzir as críticas que se abateram sobre a equipa.

O Benfica defronta na quarta-feira, a partir das 17:00 (horas de Lisboa), o CSKA, em Moscovo, em jogo da quinta jornada do grupo A da Liga dos Campeões Europeus, que é liderado pelo Manchester United, com 12 pontos, seguido de Basileia e CSKA, ambos com seis, e do Benfica, que ainda não somou qualquer um.
Ver comentários
C-Studio