Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
9

João Almeida garante quarto lugar na Volta a Itália. É a melhor posição de um português na prova

João Almeida foi um dos últimos ciclistas a sair para a estrada para o contrarrelógio final da prova italiana.
Correio da Manhã e Lusa 25 de Outubro de 2020 às 15:21
Giro histórico para o português João Almeida, que terminou no 4.º lugar, o melhor de sempre na Volta a Itália. É a melhor posição de um português na prova.

O britânico Tao Geoghegan Hart (INEOS), foi o vencedor da Volta a Itália.

O português de 22 anos, que liderou a prova durante 15 dias, ascendeu do quinto ao quarto lugar ao registar o quarto melhor tempo na etapa, ultrapassando o espanhol Pello Bilbao (Bahrain-McLaren), que ficou a 12 segundos, e assegurou a melhor classificação de sempre de um luso na Volta a Itália.

Antes, o melhor resultado era de José Azevedo em 2001, quando conseguiu o quinto lugar, com outro 'top 10' para Acácio da Silva, que foi sétimo em 1986.

Após um contrarrelógio de 15,7 quilómetros, conquistado pelo italiano Filippo Ganna (INEOS), que somou quatro triunfos nesta edição, o britânico Hart, de 25 anos, conseguiu a maior vitória da carreira ao bater o australiano Jai Hindley (Sunweb), que chegou ao último dia na liderança com menos de um segundo de vantagem para o adversário.

Hart, que fechou o 'crono' em 13.º e vence também a classificação da juventude, sucede ao equatoriano Richard Carapaz como campeão do Giro, com Hindley a 39 segundos, no segundo lugar, e o holandês Wilco Kelderman (Sunweb) no terceiro, a 1.29 minutos. João Almeida ficou a 2.57 do vencedor.

João Almeida desporto ciclismo volta a itália
Ver comentários