Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

Federação Portuguesa de Andebol reage a notícia do CM

Organização adianta que vai fazer "de imediato" denúncia do Sporting ao Ministério Público.
15 de Maio de 2018 às 13:02
Bruno de Carvalho
Equipa do Sporting campeão de andebol em 2016/17
Bruno de Carvalho
Equipa do Sporting campeão de andebol em 2016/17
Bruno de Carvalho
Equipa do Sporting campeão de andebol em 2016/17
A Federação de Andebol de Portugal (FAP) pronunciou-se sobre a notícia avançada esta terça-feira pelo Correio da Manhã. A organização anunciou esta terça-feira que vai denunciar ao Ministério Público (MP) sobre a alegada corrupção a equipas de arbitragem por parte do Sporting, remetendo ainda o processo para o Conselho de Disciplina (CD).

A FAP emitiu um esclarecimento sobre a notícia avançada hoje pelo jornal Correio da Manhã, sobre o alegado esquema de corrupção para favorecer os 'leões' na época 2016/17, quando conquistou o título de campeão nacional, após 16 anos de jejum.

Neste comunicado, o organismo diz que a direção da FAP, "tendo tomado conhecimento de noticia que poderá configurar alegados ilícitos de natureza criminal", vai fazer, "no imediato, denuncia obrigatória ao MP", cumprindo a legislação em vigor.

"Tendo em vista o apuramento de eventuais responsabilidades de natureza disciplinar, por parte de agentes desportivos que exerçam funções no seio e âmbito da modalidade, a direção efetuará participação, de imediato, ao CD da FAP", prossegue o organismo, dando conta da sua disponibilidade para "colaborar com as entidades competentes, no sentido de apuramento de eventuais responsabilidades desportivas, civis ou criminais de agentes desportivos filiados na modalidade".
Federação Portuguesa de Andebol Correio da Manhã Sporting Conselho de Disciplina da Federação desporto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)