Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Japão descarta logótipo para os Jogos Olímpicos2020

Logótipo descartado devido a acusações de plágio.
1 de Setembro de 2015 às 10:36
Kenjiro Sano criou os logótipos oficiais dos Jogos Olímpicos de 2020 e foi acusado de plágio
Kenjiro Sano criou os logótipos oficiais dos Jogos Olímpicos de 2020 e foi acusado de plágio FOTO: EPA

O Japão vai deixar de usar o 'polémico' logótipo desenhado para os Jogos Olímpicos Tóquio2020, na sequência das acusações de plágio imputadas ao seu criador, noticia esta terça-feira a imprensa nipónica.

O logótipo olímpico oficial de Tóquio2020, desenhado por Kenjiro Sano, está rodeado de polémica desde finais de julho, poucos dias antes da sua apresentação, altura em que o belga Olivier Debie acusou o desenho de ser plagiado.

Debie diz que o logótipo nipónico é demasiado semelhante ao que criou em 2013 para o teatro de Liège, razão pela qual apresentou uma queixa perante a justiça belga, acusando Sano de plágio. A organização dos Jogos Olímpicos de 2020 adotou até agora o emblema criado por Sano, mostrando inclusivamente o esboço inicial do desenho, numa tentativa de afastar qualquer acusação de plágio.

No entanto, as dúvidas voltaram a afetar o logótipo pelas suas parecenças com outro criado pelo falecido desenhador alemão Jan Tschichold. O comité organizador de Tóquio2020 deve anunciar brevemente a decisão de abandonar o logótipo oficial, depois da reunião de emergência convocada para hoje.

Além do logótipo, o país asiático descartou em julho o projeto original do novo Estádio Olímpico, criado pela arquiteta Zaha Hadid, na sequência das críticas recebidas pela sua magnitude e custo excessivo, 'correndo' agora contra o tempo para aprovar um projeto menos dispendioso.

Japão Jogos Olímpicos Tóquio2020 Kenjiro Sano Liège lgogótipo
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)