Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
6

João Sousa lamenta derrota na final de pares em Roma

Campeão do Estoril afirma que segundo 'set' foi decisivo para derrota no Masters 1000.
Lusa 20 de Maio de 2018 às 17:55
Final de pares em Roma
Final de pares em Roma
Final de pares em Roma
Final de pares em Roma
Final de pares em Roma
Final de pares em Roma
O tenista português João Sousa lamentou este domingo a derrota na final de pares do torneio Masters 1000 de Roma, considerando que o par colombiano foi superior a partir do meio do segundo 'set'.

"Infelizmente não conseguimos vencer e levar o título que tanto desejávamos. Foi um encontro muito bom, começámos muito bem, conseguimos jogar a um nível muito alto durante grande parte do encontro, principalmente nos primeiro e segundo 'sets'", disse o português, que fez dupla com o espanhol Pablo Carreño-Busta.

O número um português e o tenista espanhol foram derrotados pelos colombianos Juan-Sebastian Cabal e Robert Farah pelos parciais de 6-3, 4-6 e 4-10, no 'super tie-break'.

"O encontro quase ficou decidido no segundo 'set', em que estivemos quatro igual, com ponto de ouro para podermos fazer o 5-4 e depois, se calhar, servir para o encontro. Não o conseguimos fazer", disse João Sousa, 47.º da hierarquia mundial em singulares.

João Sousa admitiu que depois desse ponto, os colombianos "começaram a jogar melhor, a ficar mais motivados, e a creditar que podiam vencer".

Na próxima semana, o português, que há duas semanas triunfou no Estoril Open, vai disputar o torneio de Lyon, no qual defrontará na primeira eliminatória o eslovaco Filip Horanski, 338.º da hierarquia.
João Sousa Masters Roma desporto ténis
Ver comentários
C-Studio