Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto

Reveladas mensagens de um grupo de WhatsApp de familiares de Maradona e pessoal clínico

As filhas queriam contratar um "médico de cabeceira".
1 de Dezembro de 2020 às 09:52
As últimas horas de Diego Maradona estão a ser escrutinadas, não só pela imprensa argentina, como também pelas autoridades do país, que procuram indícios de negligência por parte dos clínicos que acompanhavam El Pibe. E agora foram reveladas mensagens de um grupo de WhatsApp criado pela família do antigo craque, onde também estavam os médicos mais próximos do paciente.

Nesse grupo estavam os filhos de Maradona, Dalma, Gianinna, Jana e Diego Junior, a psiquiatra Agustina Cosachov e o psicólogo Carlos Díaz.

A conversa revelada terá acontecido depois de uma reunião por zoom, onde foram analisadas as necessidades de Maradona. Estava planeada a contratação de um novo médico, denominado "médico de cabeceira", pois uma das filhas do craque, Dalma, dizia que Leopoldo Luque é neurocirurgião. A psiquiatra prometeu ajudá-la nessa busca. O médico pessoal de El Pibe, recorde-se, está a a ser investigado pelas autoridades argentinas.

As mensagens terminam com o psicólogo a dizer que Maradona "está bem" mas que quer "mais privacidade".
WhatsApp Diego Maradona El Pibe Dalma saúde desporto futebol
Ver comentários