Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Sara Moreira vive "momento indescritível" em Nova Iorque

"Quando chegas ao fim, sentes-te uma heroína", conta a atleta.
2 de Novembro de 2014 às 20:54
Sara Moreira ficou em terceiro lugar na maratona de Nova Iorque
Sara Moreira ficou em terceiro lugar na maratona de Nova Iorque FOTO: Mike Segar / Reuters

A atleta portuguesa Sara Moreira, disse este domingo que está a viver "um momento indescritível", depois de ter sido terceira na Maratona de Nova Iorque, na sua estreia na distância.

"Na linha de chegada, senti uma felicidade enorme. Primeiro, por ter completado a primeira maratona, que era fundamental para ficar com uma ideia positiva da prova", explicou a atleta à agência Lusa. Com o tempo 2:26.00, Sara foi a primeira não africana a terminar a corrida.

"Queria muito cruzar a meta e pegar na minha bandeira, poder agradecer ao público", acrescenta. Sara diz que foi "uma prova muito difícil", mas que os momentos finais compensam o esforço.

"Durante a prova, passa-nos muita coisa pela cabeça. Mas quando chegas ao fim, sentes-te uma heroína. Pensas, acabou, finalmente, e é uma sensação indescritível", diz. Na memória da atleta, fica "uma organização gigante, com muita gente na rua a gritar" pelo seu nome, que vinha inscrito na dorsal.

A atleta, de 28 anos, especialista em provas de fundo e meio-fundo, foi convidada a participar na prova pela organização. Preparou-se durante dois meses, correndo cerca de 200 quilómetros por semana.

Sara Moreira Maratona de Nova Iorque
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)