Barra Cofina

Correio da Manhã

Desporto
3

Cotovelo de Ronaldo é tema na imprensa internacional

Lance do capitão da equipa das quinas podia-lhe ter valido uma expulsão na partida frente ao Irão.
26 de Junho de 2018 às 12:11
Cristiano Ronaldo
Ricardo Quaresma e Cristiano Ronaldo em 2018
Cristiano Ronaldo
Ricardo Quaresma e Cristiano Ronaldo em 2018
Cristiano Ronaldo
Ricardo Quaresma e Cristiano Ronaldo em 2018

Cristiano Ronaldo fez uma falta com o cotovelo sobre Pouraliganji, aos 81 minutos da partida entre Portugal e o Irão, esta segunda-feira, para a competição mundial de futebol na Rússia.

Depois do arriscado lance, o árbitro do jogo, Enrique Cáceres, recorreu ao sistema de vídeoarbitro e decidiu mostrar o cartão amarelo ao ‘melhor do mundo’.

No entanto essa decisão não foi ‘bem vista’ por todos, começando pelo selecionador da equipa iraniana, Carlos Queiroz. "O jogo foi interrompido pelo VAR e foi confirmado que foi cotovelo. Nas regras, cotovelo é cartão vermelho, não interessa se é o Messi ou o Ronaldo", avançou.

Assim, foram várias as páginas na imprensa internacional a falar também sobre este tema, avançando que foi um lance perigoso onde "Cristiano Ronaldo podia ter visto o cartão vermelho", reconheceram os britânicos no jornal Mirror.

Já no jornal The Guardian, pode ler-se que "Ronaldo contribuiu para o jogo com dois momentos-chave: o primeiro foi quando falhou o penálti, o segundo foi quando proporcionou os dois minutos de maior tensão da partida, visto que o árbitro demorou a analisar as imagens do que parecia ter sido uma cotovelada de Ronaldo a Pouraliganji.O contato estava lá, mas foi fraco, e no final o árbitro mostrou-lhe um comprometedor amarelo".

Os espanhóis da Marca afirmaram que "o jogo de Portugal teve um pouco de tudo" e que a figura portuguesa "correu o risco de expulsão".

Cristiano Ronaldo Carlos Queiroz Irão Pouraliganji Portugal Rússia Enrique Cáceres desporto
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)