Croácia saiu derrotada mas a presidente do país encantou na final do Mundial

Sselecção croata ficou, no domingo, em segundo lugar no Mundial da Rússia 2018 depois de perder contra à França.
16.07.18

A presidente da Croácia, Kolinda Grabar-Kitarovic, mostrou-se muito dedicada em apoiar a seleção croata na final do campeonato do mundo mesmo depois da derrota que sofreram. A seleção da Croácia ficou, no passado domingo, em segundo lugar no Mundial da Rússia 2018, depois de ter sido derrotada por 4 a 2 na final contra a seleção francesa.




No momento da entrega das medalhas aos franceses, a presidente croata consolou os jogadores vencidos, especialmente emocionada com o capitão Luka Modric.

Nem a chuva torrencial que se fez sentir no estádio no fim do jogo travou o sorriso e o ânimo de Kolinda. Mesmo depois de ser a última a receber o guarda-chuva, depois de Vladimir Putin e Emmanuel Macron, a presidente continuou a bater palmas e a espalhar charme e sorrisos debaixo de água no estádio da final .

Kolinda Grabar-Kitarovic, de 50 anos, é a primeira mulher a assumir o cargo de presidente da Croácia. Para além de ser uma mulher vistosa, mostra-se uma adepta de futebol bastante atenta ao acompanhar o percurso da seleção croata ao longo deste campeonato do mundo.

De acordo com a BBC, a presidente descontou do seu ordenado os dias em que esteve fora do seu trabalho e viajou em classe económica depois de ter pago os próprios bilhetes para a Rússia.

Desde o inicio que Kolinda se mostra adepta fervorosa da seleção do seu país. No dia 1 de Julho a presidente partilhou uma foto no seu Facebook onde viajava de avião em conjunto com os adeptos rumo ao destino onde a Croácia enfrentava a Dinamarca no campeonato do Mundo, tendo como legenda "vamos para a vitória".

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!