Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

1,1 milhões com abono

O número de crianças e jovens que recebem abono de família subiu ligeiramente em março, situando-se nos 1 165 758 beneficiários, mais 828 do que em fevereiro, segundo dados do Instituto de Segurança Social, divulgados ontem.
23 de Abril de 2013 às 01:00

Comparativamente a março de 2012, menos 28 716 crianças e jovens (2,4 por cento) receberam abono de família no mês passado.

Em fevereiro, 1 164 930 famílias beneficiaram desta prestação social, número que subiu para para 1 165 758 em março. O Porto é a região do País com o maior número de abonos de família atribuídos (154 472), seguindo-se Lisboa (146 817), Braga (75 891) e Setúbal (56 476).

O montante do abono de família varia de acordo com a idade da criança ou jovem e com o nível de rendimentos de referência do respetivo agregado familiar.

Quanto ao número de beneficiários das prestações de desemprego, voltou a cair em março para cerca de 419 mil pessoas, o que significa que mais de 55% dos desempregados não recebem qualquer apoio do Estado. O número de beneficiários do Rendimento Social de Inserção também aumentou alcançando 274 937 pessoas, mais 793 do que em fevereiro. n

APOIO SOCIAL ABONO FAMÍLIA
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)