Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Acções japonesas preferidas

A depreciação do iene é benéfica para as exportações do Japão, que ganha competitividade no mercado internacional e obtém melhores resultados empresariais. Assim argumenta a F & C Investments, que mantém a “preferência” pelas “acções japonesas, uma vez que a reforma estrutural da economia interna continua a progredir”.
6 de Maio de 2007 às 00:00
Acções japonesas preferidas
Acções japonesas preferidas FOTO: Everett Kennedy / Epa
Segundo a gestora de activos, que actua a nível global e tem mais de cem anos de experiência, “a fragilidade relativa do iene constitui um incentivo às exportações, o que gera crescimento nos resultados.” A F & C Investments admite mesmo a possibilidade de o crescimento dos lucros das empresas japonesas ser mais elevado do que o das norte-americanas. E “apesar de o mercado já ter descontado as previsões para 2007, o factor importante a ter em conta são as previsões de resultados para 2008”.
A F & C Investments justifica a antevisão optimista com “um nível de endividamento baixo dos consumidores, taxas de juro baixas e um sector empresarial fortalecido.” Há também que ter em conta o “momento de viragem em que a economia japonesa começa a emergir de um período de deflação para entrar num ciclo de inflação” e, no entender da mencionada gestora de activos, “o mercado está a subestimar as oportunidades potenciais para os investidores”.
A F & C Investments gere activos que totalizam mais de 151,4 mil milhões de euros, verba superior ao PIB português.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)