Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia

Ações da EDP suspensas em bolsa após afastamento de funções de Mexia e Manso Neto

Juiz Carlos Alexandres determinou suspensão dos presidentes.
Lusa 6 de Julho de 2020 às 16:05
António Mexia e Manso Neto
António Mexia e Manso Neto FOTO: Direitos Reservados

A Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) suspendeu as ações da EDP e da EDP Renováveis "aguardando a divulgação de informação relevante ao mercado", de acordo com dois comunicados, publicados no 'site' do regulador.

"O Conselho de Administração da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM) deliberou, nos termos do artigo 214.º e da alínea b) do n.º2 do artigo 213º do Código dos Valores Mobiliários, a suspensão da negociação das ações EDP - Energias de Portugal, S.A. e seus derivados, aguardando a divulgação de informação relevante ao mercado", indicou a entidade, publicando um comunicado semelhante para a Renováveis.

Estes anúncios surgem no dia em que o jornal Eco noticiou que o juiz Carlos Alexandre decidiu validar a suspensão de funções de António Mexia, presidente da EDP e João Manso Neto, que lidera a EDP Renováveis.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)