Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
Conteúdo exclusivo para Assinantes Se já é assinante faça LOGIN Assine Já

Ajuste direto ‘resiste’ na contratação pública

Entidades públicas gastaram, em todas as áreas, 11,7 mil milhões de euros em 2021.
Raquel Oliveira 18 de Janeiro de 2022 às 01:30
Conteúdo exclusivo para Assinantes Assine já Se já é assinante faça LOGIN
Exclusivos
As obras públicas ficaram em segundo lugar na contratação do Estado FOTO: Carlos Manuel Martins
Os contratos públicos ascenderam a 11,7 mil milhões de euros o ano passado, com a figura do concurso públicos a ganhar mais peso, de acordo com os documentos reportados ao Portal Base. Apesar do travão introduzido em 2018, com a figura da consulta prévia, os ajustes diretos continuam a ocupar o segundo lugar, na forma de o Estado fazer negócios com os fornecedores.



Ver comentários
Hoje nas bancas
Capa do Dia
A primeira página do Correio da Manhã e o acesso ao e-paper Ver todas as
primeiras páginas

Clube CM+ Conheça todas as vantagens e produtos exclusivos para os assinantes do Correio da Manhã

O CM+ oferece máscaras aos seus assinantes.

Ver Mais

20 - Palavras Cruzadas, Sudoku, Sopa de Letras, Anagramas e muito mais. Faça já download do eBook.

Ver Mais

19 - Palavras Cruzadas, Sudoku, Sopa de Letras, Anagramas e muito mais. Faça já download do eBook.

Ver Mais

Guia das mais famosas Festas & Romarias de Portugal. Uma viagem maravilhosa às tradições mais populares. Portes Incluídos.

Ver Mais

Hotel Royal Porto City: Estadia com Pequeno-Almoço e Oferta de Criança até 12 Anos desde 28.50€. O Porto espera por Si!

Ver Mais
}