Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
7

“Ambição” ibérica

Os chefes de Estado de Portugal e Espanha manifestaram ontem "orgulho e ambição" no Laboratório Internacional Ibérico de Nanotecnologia (INL), em Braga. Na rua, o protesto assumido pelo PCP, por professores e por alunos do ensino politécnico tentou estragar a festa. Içaram bandeiras negras à rápida passagem da comitiva ibérica.
18 de Julho de 2009 às 00:30
A ministra da Ciência, Cristina Garmendia, cativou portugueses e espanhóis
A ministra da Ciência, Cristina Garmendia, cativou portugueses e espanhóis FOTO: José Rebelo

"Para quê inaugurar uma obra por acabar? Quem paga a vossa festa é o povo", dizia o cartaz comunista. Apenas o ministro Mariano Gago comentou: "São reacções de atraso cultural." Contundo, a observação do PCP é atestada pelo estaleiro envolvente. Metade das instalações estão em construção e o alcatrão estava ainda fresco. A obra só ficará operacional em Dezembro. Facto desvalorizado pela importância do investimento. "A oportunidade e mérito desta iniciativa conjunta dos dois Governos são inquestionáveis", sublinhou o Presidente da República, Cavaco Silva. Palavras semelhantes usou o rei de Espanha, Juan Carlos. "Hoje é um dia importante. Comemoramos o ambiente de profunda sintonia e evolução dos laços entre Portugal e Espanha", disse o monarca. O primeiro-ministro José Sócrates e o presidente do governo espanhol, José Luis Zapatero, elogiaram a "ambição" do projecto e salientaram ainda a "sintonia política" entre os dois países.

400 POSTOS DE TRABALHO

Mais de 400 pessoas irão trabalhar nas instalações do INL, entre as quais 200 cientistas. A nanotecnologia, que pode ser considerada como engenharia a uma escala atómica e molecular, aplica-se sobretudo ao serviço da investigação científica para o diagnóstico e tratamento de doenças graves. Até ao final do ano, estarão investidos pelos dois países, em partes iguais, cerca de 95 milhões de euros. O projecto prevê ainda dezenas de outros postos de trabalho indirectos.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)