Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
5

Anúncio de greve deixa prejuízo de 9,7 milhões

A TAP teve um prejuízo de 9,7 milhões de euros devido às mais de 46 mil reservas canceladas devido ao anúncio de greve dos pilotos, que foi esta quarta-feira desconvocada, informou a transportadora aérea em comunicado.
4 de Julho de 2012 às 16:36
Os pilotos desconvocaram hoje a greve que teria início amanhã
Os pilotos desconvocaram hoje a greve que teria início amanhã FOTO: d.r.

O Sindicato dos Pilotos da Aviação Civil (SPAC) cancelou hoje a greve de nove dias anunciada para os dias 5 a 8 de Julho e 1 a 5 de Agosto, depois de acordar com a administração da TAP a criação de um grupo de trabalho com vista à "resolução e criação de soluções para os conflitos laborais emergentes da interpretação e aplicação do Acordo de Empresa", referem.

No entanto, a decisão não evitou um prejuízo de quase 10 milhões de euros para a empresa, face aos 46.230 cancelamentos de reservas, que se registaram desde o anúncio do pré-aviso de greve, a 21 de Junho.

A desconvocação da greve surgiu depois de o ministro da Economia ter dito esta manhã, em Luanda, que o Governo estava "a fazer tudo" para conseguir o cancelamento da greve, e depois de o primeiro-ministro ter dito, em Braga, que queria "evitar soluções não desejáveis", quando questionado sobre a possibilidade de o Executivo avançar para uma requisição civil.

Na segunda-feira, a administração da TAP tinha interposto uma providência cautelar para tentar suspender a greve dos pilotos.

TAP greve pilotos prejuízos reservas passageiros
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)