Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Armada garante que submarinos são indispensáveis

O Comandante da Armada, Melo Gomes, garantiu que os polémicos submarinos adquiridos por Paulo Portas na altura em que este era ministro da Defesa são essenciais para o País e que seria muito mais dispendioso não os ter, em especial para as gerações vindouras.
16 de Outubro de 2009 às 15:24
Armada garante que submarinos são indispensáveis
Armada garante que submarinos são indispensáveis

Apesar de rejeitar um envolvimento no "Caso dos Submarinos", investigado pela Procuradoria-geral da República, o Comandante realçou, num discurso proferido na quinta-feira, a importância desta aquisição, uma vez que, segundo o próprio, "o País não pode ceder a outros a sua responsabilidade soberana e de intervenção nas zonas oceânicas do seu interesse estratégico."

Recorde-se que os submarinos vão chegar em 2010 e 2011, mas o seu processo de aquisição nunca foi pacífico. O programa de reequipamento militar envolve mil milhões de euros e o contrato levanta dúvidas que estão a ser investigadas pelo Ministério Público.

Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)