Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Autarcas satisfeitos mas críticos

Autarcas das câmaras de Almada e Seixal mostraram-se ontem satisfeitos com a inauguração do Metro Sul do Tejo, apesar de considerarem existir muitos problemas por resolver.
29 de Abril de 2007 às 00:00
Ambas as autarquias assumiram que só receberão a obra, no que diz respeito a arranjos exteriores, depois de corrigidas as falhas detectadas no trajecto, que entra em funcionamento dia 1 de Maio, entre Corroios (Seixal) e a Cova da Piedade, em Almada. A Câmara do Seixal esteve aliás ausente do acto de entrega da obra pela concessionária às autarquias, apesar de a Metro Transportes do Sul considerar que a obra está entregue.
O vereador das acessibilidades do Seixal, Joaquim Santos, reiterou que a posição da Câmara passa por não aceitar receber a responsabilidade sobre os arranjos exteriores no troço que percorre a autarquia até ver resolvidas as cerca de 264 anomalias que detectou no traçado. Os autarcas defendem o alargamento do metro até ao Barreiro como algo “prioritário”.
Ver comentários