Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
9

Autoeuropa nega dispensas

A Autoeuropa tem em perspectiva aumentar a sua força de trabalho, a confirmar-se que a Volkswagen produza na fábrica de Palmela o sucessor do modelo Sharan, não prevendo qualquer redução de emprego, disse ontem à Lusa fonte oficial.
5 de Novembro de 2006 às 00:00
A porta-voz da Autoeuropa, Carmo Jardim, afirmou à Lusa que “não tem qualquer fundamento” a notícia da Imprensa alemã de que a fábrica de Palmela está incluída num plano da Volkswagen para cortar 2400 postos de trabalho.
De acordo com o Frankfurt Allgemeine Zeitung, que não cita fontes, o construtor automóvel alemão pretende replicar nas fábricas de Palmela, Pamplona (Espanha) e Bruxelas (Bélgica) o corte de um quinto da força de trabalho recentemente aplicado nas unidades alemãs.
Segundo a porta-voz da Autoeuropa, actualmente “a perspectiva é de aumentar postos de trabalho, caso se confirme a vinda para Portugal da produção do novo modelo, em 2009”, o sucessor do Sharan, actualmente produzido em Palmela.
Ver comentários
Newsletter Diária Resumo das principais notícias do dia, de Portugal e do Mundo. (Enviada diariamente, às 9h e às 18h)