Aviação: Luís Coimbra é o novo presidente da NAV

Luís Otollini Coimbra é o novo presidente da empresa controladora de tráfego aéreo NAV, sendo coadjuvado pelos vogais Luís Filipe Figueiredo e Carlos Abreu, num conselho de administração que reduz os cargos dirigentes de cinco para três.
09.02.12
  • partilhe
  • 0
  • +

A administração já estava em funções e convenceu os trabalhadores da NAV a suspenderem, na segunda-feira, uma greve de duas horas por turno, mas a nomeação só foi oficializada esta quinta-feira com a publicação da resolução do Conselho de Ministros no Diário da República.

O anterior conselho de administração tinha terminado o seu mandato há cerca de um ano, sem ser substituído, situação que mereceu a contestação dos trabalhadores que acusaram o Governo de manter "a empresa sem orientações estratégicas e sem gestão".

Luís Coimbra é formado em Engenharia Aeronáutica e Mecânica e tem uma pós-graduação em Gestão Aeroportuária. Pertenceu ao conselho de administração do INAC e era assessor do conselho de administração da ANA desde 2008.

Luís Filipe Figueiredo é formado em ciências militares, foi comandante logístico da Força Aérea Portuguesa, inspector-geral da Força Aérea enquanto tenente-general e foi recentemente exonerado do cargo de Vice-Chefe do Estado-Maior da Força Aérea por ter passado à reserva.

Carlos Abreu é licenciado em Direito e foi controlador aéreo da NAV e chefe do departamento de navegação aérea do INAC.

A resolução do conselho de ministros estipula que Luís Filipe Montes Palma de Figueiredo e Carlos Abreu "são autorizados a exercer funções públicas, em obediência ao disposto nos artigos 78.º e 79.º do Estatuto da Aposentação".

Esta lei faz depender o exercício de funções públicas remuneradas por parte dos aposentados da autorização do Governo e impede a acumulação de vencimentos, obrigando os aposentados a optar pelo salário ou pela reforma.

pub

pub

Ver todos os comentários
Para comentar tem de ser utilizador registado, se já é faça
Caso ainda não o seja, clique no link e registe-se em 30 segundos. Participe, a sua opinião é importante!