Barra Cofina

Correio da Manhã

Economia
6

Banco BCP admite recorrer a despedimento coletivo

Instituição contactou cada um dos trabalhadores que pretende que saiam e apresentou as condições da rescisão.
Lusa 18 de Junho de 2021 às 18:20
O BCP tem a EDP como acionista
O BCP tem a EDP como acionista FOTO: Bruno Colaço
O BCP admitiu recorrer a despedimento coletivo na reunião que teve com sindicatos esta semana, segundo a apresentação feita aos sindicatos a que a Lusa teve acesso.

No BCP arrancou esta semana o plano de redução de trabalhadores, com o banco a contactar cada um dos trabalhadores que pretende que saiam e a apresentar as condições da rescisão (desde logo valores das indemnizações).

Os trabalhadores poderão sair por reformas antecipadas (para trabalhadores com 57 anos ou mais) ou em rescisões por mútuo acordo. Neste caso, quem sair em rescisão por acordo não acede a subsídio de desemprego.

BCP trabalho economia negócios e finanças sindicatos banco trabalhadores
Ver comentários